10 passos simples para ir bem em português no ENEM

Enem — Escrito por

Se tivéssemos que usar uma única palavra para definir a prova de Língua Portuguesa do Enem, seria: “embaçada”.

Por que embaçada? Bom, primeiro porque é uma prova extensa, com muito texto, e um grau de dificuldade razoável. Segundo, porque vai testar ao máximo sua capacidade de interpretação –você terá que ter uma super concentração e muita atenção aos detalhes para não se perder entre as respostas.

Além de tudo isso, ainda tem o fator tempo: menos de três minutos, em média, para resolver cada questão. Nem sempre a prova é tão difícil, mas é certo de que se trata de um exame bem estressante.

Ainda bem que existem maneiras muito eficazes de se preparar para a prova! Nenhuma, no entanto, envolve uma fórmula mágica: todas requerem bastante treinamento e dedicação.

Conheça a seguir 10 passos simples para ir bem em Português no Enem. Aproveite que já está por aqui e descubra também o que cai na prova, quais são os assuntos mais recorrentes e as competências que serão avaliadas!

 

10 passos para tirar uma boa nota em Português

Anote aí algumas dicas para se dar bem na prova de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (grupo que inclui Língua Portuguesa):

  1. Pratique bastante leitura e interpretação de texto.
  1. Não se esqueça de que ninguém vira expert em leitura e interpretação de uma hora para outra. Se você quer tirar uma boa nota nesta prova, precisa se dedicar o quanto antes.
  1. Leia sempre, muito, tudo o que puder. Notícias, discussões, blogs, artigos científicos, literatura brasileira e internacional, textos sobre outras áreas do conhecimento… Não deixe passar nada!
  1. Não se esqueça de estudar a norma culta da língua, incluindo grafia, concordância verbal e nominal, uso de crase, etc.
  1. Escreva bastante: ajuda a desenvolver a habilidade de interpretar textos e também será útil para tirar uma boa nota em Redação.
  1. Não deixe de estudar todo o conteúdo pedido no edital do Enem, com foco nas questões que mais aparecem nas provas (revelaremos quais são mais adiante).
  1. Não há forma melhor de praticar para o Enem do que fazer as provas anteriores. Todas as edições estão disponíveis para download no site do Inep. Faça a prova de Linguagens de todas as que puder para perceber o nível de dificuldade das questões.
  1. Enquanto estiver fazendo as provas do Enem, anote quais foram as questões que geraram mais dificuldade. Com isso, você vai ter um mapa da mina do que é preciso reforçar nos seus estudos.
  1. Cronometrar o tempo que leva para fazer as provas anteriores é fundamental. Lembre-se de que você terá poucos minutos para resolver as 45 questões de Linguagens – sem falar que no mesmo dia ainda tem Matemática e redação.
  1. Estude as competências que o Enem pede para a prova de Linguagens. Elas vão dar uma ideia legal de como a prova será corrigida e quais temas devem aparecer na próxima edição – veja na sequência!

 

 

Competências de Português pedidas no Enem

Leia e releia as competências que o candidato do Enem deve demonstrar na prova de Linguagens. Com esse conteúdo em mente, você vai conseguir entender melhor quais aspectos a prova irá abordar. Está tudo no edital.

Você vai precisar demonstrar conhecimentos em:

  • Análise, interpretação e aplicação de recursos expressivos das linguagens.
  • Análise da função da linguagem predominante nos textos em situações específicas.
  • Reconhecimento da importância do patrimônio linguístico para a preservação da memória e da identidade nacional.
  • Identificação das diferentes linguagens como elementos dos sistemas de comunicação.
  • Utilização da norma padrão da Língua Portuguesa em diferentes situações de comunicação.
  • Utilização de linguagens para resolver problemas sociais.
  • Entendimento da função social dos sistemas de comunicação e informação.
  • Reconhecimento de posições críticas das linguagens e dos sistemas de comunicação e informação.
  • Associação de textos a seus contextos, de acordo com as condições de produção e recepção.
  • Identificação dos elementos de estruturação de textos de diferentes gêneros e tipos.
  • Análise dos objetivos do produtor do texto e do seu público-alvo.
  • Reconhecimento de estratégias argumentativas empregadas para o convencimento do público.
  • Oposição de opiniões e pontos de vista sobre as diferentes linguagens e manifestações específicas.
  • Identificação de recursos verbais e não verbais utilizados com a finalidade de criar e mudar comportamentos e hábitos.
  • Exposição de opiniões, temas, assuntos e recursos linguísticos.
  • Entendimento da língua portuguesa como geradora de significação e identidade.

 

O que cai na prova de Português do Enem

Para se dar bem na prova de Linguagens do Enem é preciso ter o conteúdo a seguir na ponta da língua:

  • Estudo dos aspectos linguísticos da Língua Portuguesa: norma culta, elementos de referência pessoal, temporal, espacial, formalidade, seleção lexical, tempos e modos verbais, construção da microestrutura do texto.
  • Estudo do texto: gêneros, composição, produção escrita.
  • Estudo dos aspectos linguísticos em diferentes textos: recursos expressivos da língua, construção de textos, articulação entre ideias e proposições.
  • Estudo do texto argumentativo, seus gêneros e recursos linguísticos: tipos, argumentação, pontos de vista, organização e progressão textual, papéis sociais dos interlocutores, função.

Sim, tudo parece genérico demais e fica difícil saber por onde começar os estudos. É por isso que a gente separou alguns dos conteúdos que aparecem com mais frequência no Enem – e é quase certo que apareçam também na próxima edição.

 

Anote:

  • Intertextualidade
  • Gêneros textuais
  • Interpretação de texto
  • Norma culta e popular
  • Figuras de linguagem
  • Síntese e resumo
  • Ambiguidade
  • Denotação e conotação
  • Funções da linguagem

 

O grande lance é estudar com um olho atento aos assuntos que mais caem no Enem, mas não deixar nada do que é pedido no edital de fora. Nada mesmo! Guarde essa dica com você.

 

Como é a prova de Português do Enem

Português aparece dentro da área de conhecimento denominada Linguagens, Códigos e suas Tecnologias. Os candidatos vão encarar 45 questões objetivas que também incluem conteúdos de:

  • Língua Estrangeira – Inglês ou Espanhol
  • Literatura
  • Educação Física
  • Artes
  • Tecnologias da Informação e Comunicação

 

A prova será aplicada no segundo dia do Enem, junto de outras 45 questões de Matemática, mais a redação.

O tempo total das três provas é de cinco horas e meia. Parece bastante, mas não se iluda: se considerarmos que será preciso uma hora para desenvolver o texto da redação e passar tudo a limpo, sobram quatro horas e meia. Digamos que você precise de meia hora para preencher com muita atenção o cartão de respostas da prova, então sobram apenas quatro horas.

Para dar conta de 90 questões em quatro horas é preciso resolver cada uma delas em pouco mais de dois minutos e meio!

A prova de português é extensa, repleta de textos (às vezes bem longos), trechos de livros, figuras e anúncios para o candidato desvendar o sentido. Será necessária muita paciência e atenção redobrada para não se deixar levar por um erro de interpretação.

 

Veja também:

Fique por dentro de atualidades para o ENEM

 

Está difícil estudar para a prova de Português? Sim? Não? Compartilhe seu ponto de vista com a gente nos comentários!

Comente