Análise da Redação Enem 2010

Redação — Escrito por

O tema da redação mais um vez foi de cunho social , simples e de conhecimento de todo mundo.Primeiramente leia com atenção o Tema da Redaçào do Enem 2010

Qualquer pessoa que desenvolveu as idéias: 
  • A diferenciação entre o trabalho escravo e as novas possibilidades de trabalho dado ao avanço tecnológico;
  • A evolução do trabalho, apresentou os contrastes entre o trabalho nos países desenvolvidos, o trabalhos nos em desenvolvimento e os não-desenvolvidos(que bosta de separação);
  • A questão da mulher no mercado de trabalho e como atualmente ela vem se destacando e conseguindo diminuir aquela questão de mulher-objeto, ou dona do lar( poderia até dar exemplo do momento: Dilma, Marina etc);
  • Como o desenvolvimento tecnológico associado ao político podem acabar com a existência de trabalho escravo, ou mesmo de funções que de tão pesadas se tornam degradantes; apresentar como a globalização tem ajudado a perpetuar problemas nas relações de trabalho;
  • Ir para a área de educação e apresentar como os responsáveis por formar pensantes(professores) são tratados pelo estado e como isso ajuda a perpetuar o trabalho escravo, ou trabalhadores presos a empregos por não deter o conhecimento;a desconstrução das idéia apresentadas no texto 2;
  • Associar os contrastes observados no mundo do trabalho às desigualdades sociais: submissão a trabalhos degradantes devido à pauperização do indivíduo e possibilidade de escolha de trabalhos satisfatórios por parte da população oriunda das classes média e alta;
  • Abordar o desenvolvimento tecnológico e a atuação política como formas de libertar o homem da degradação do trabalho, observada de forma mais violenta nos casos de escravidão e de forma mais branda nos casos de ocupações que não exigem criatividade e invenção;
  • assumir que a globalização seria fator positivo na mudança das relações de trabalho. A fragmentação de companhias gigantes, aliada à necessidade do mercado — voltado para a busca de qualidade de vida e preocupação com o meio ambiente — teria como consequência a criação de profissões mais criativas e flexíveis.
  • enfim as possibilidades eram infinitas…

Sobre a proposta de solução:

  • Seguir o célebre caminho da conscientização da existência do problema e da necessidade de cobrar ações dos nossos governantes é o esquema.
  • Mas ,também era possível ressaltar as ações do ministério do trabalho e da policia federal no sentido de acabar com condições de trabalho degradantes( trabalho escravo);
  •  A necessidade de novos e acessíveis cursos de formação para jovens, evitando assim a continuação desse processo;
  • A necessidade da formalização do emprego e de medidas de cunho sociais, como os programas de distribuição de renda; pra finalizar, a idéia da aproximação do campo com a cidade dificultaria a existência dessas práticas ilícitas…
  • Sanções de práticas que cerceiam a liberdade do trabalhador por meio de efetiva fiscalização (feita por órgãos como o Ministério do Trabalho, o Ministério Público e a Polícia Federal) e aplicação das leis — o que garantiria um ambiente propício a uma realidade mais digna hoje e no futuro
  • Criação, aprimoramento e ampliação de medidas inclusivas, como programas de redistribuição de renda e de estímulo à formalização do emprego — o que levaria ao aumento do mercado consumidor e, consequentemente, à abertura de postos de trabalho;
  • A qualificação dos trabalhadores por meio de novos recursos de formação, voltados para as necessidades do mundo globalizado tais como cursos de gestão ambiental, estímulos a novas formas de aprendizado que privilegiem a inovação e ampliação das formas de aprendizado à distância;
  • Estímulos ao investimento em tecnologia objetivando a mecanização do campo e, ao mesmo tempo, à criação de postos de trabalho relacionados direta ou indiretamente com a tecnologia, o que estimularia a absorção da mão de obra liberada;
  • Aceleração dos processos de integração do Brasil com o mundo, para que o país se beneficie das possibilidades abertas pela globalização, como a criação de prestadoras de serviços a transnacionais e de empresas capazes de lidar com a transferência de tecnologia.

Por: Profº Roberto Sabino (Ebola)

Tags: , ,

Comente