Biodiesel é um combustível obtido a partir de óleos vegetais. Pode ser misturado ao óleo diesel em qualquer proporção e utilizado em motores de ciclo diesel.

O biodiesel é biodegradável, renovável, não tóxico e basicamente livre de enxofre e aromáticos.

Sua obtenção é feita a partir de uma reação de transesterificação, partindo de óleo vegetal (éster de ácido graxo) reagindo com álcool etílico ou metílico originando outro álcool (glicerol) e outro éster de ácido graxo (biodiesel). Veja o exemplo:

Na obtenção podem ser utilizados óleos vegetais como o de mamona, girassol, canola, soja, dendê e outros, inclusive o óleo usado na fritura de alimentos.O biodiesel (oleato de etila) tem tamanho e peso molecular semelhantes aos das moléculas de óleo diesel (alcanos de 15 a 20 átomos de carbono), sendo perfeitamente miscíveis entre si.

Bioetanol

O etanol é o álcool combustível obtido a partir da fermentação alcoólica do melaço da cana-de-açúcar, em que a sacarose é convertida em álcool etílico.

O Brasil, por meio da PETROBRAS, busca uma forma de aumentar a produção de etanol e um processo em pesquisa utiliza o bagaço da cana (lignina-celulose) para a produção de etanol (este é denominado bioetanol).

O bagaço da cana é basicamente um complexo de lignina-celulose. Por meio de tratamento químico por ácidos a lignina é retirada e a celulose é submetida a enzimas e fermentada para se transformar em álcool.

Cerca de 280 litros de etanol são obtidos a partir de uma tonelada de bagaço.Qualquer produto contendo celulose, em tese, pode ser transformado em álcool. A pesquisa está utilizando o bagaço devido ao grande volume disponível nas usinas de açúcar e álcool.

Blog Colégio Decisivo