Para que um candidato seja considerado definitivamente como beneficiário a uma das vagas oferecidas pelo Sisu (Sistema de Seleção Unificada), o programa realiza duas chamadas sucessivas de aprovados. Na primeira chamada do Sisu, os alunos que obtiveram as maiores notas são convocados para fazerem a matrícula nas instituições de ensino. Nesse período, os servidores do MEC fazem uma checagem para avaliar se ainda existem vagas disponíveis, o que possibilita uma segunda chamada de alunos.

O candidato selecionado em sua primeira opção não participará da chamada seguinte e será automaticamente excluído da lista do sistema, mesmo que não realize sua inscrição. Desse modo, os candidatos que fizerem parte da primeira lista de aprovados devem se apressar em fazer a matrícula no curso desejado, devendo conferir junto à instituição de ensino em que foi aprovado qual é o local, o horário e os procedimentos corretos para aquele ato.

É importante dizer que há um prazo para o cumprimento das matrículas em cada instituição, a ser observado em cada chamada, para garantir a ocupação da vaga disponibilizada. Portanto, no caso de alguns alunos desistirem de fazer o curso para os quais foram selecionados, perderem os prazos de matrícula ou, ainda, não apresentarem as documentações requeridas pelo estabelecimento de ensino, o Sisu abrirá uma terceira oportunidade, com a elaboração de um catálogo de candidatos que ficarão em espera, para preencher essas vagas eventualmente não ocupadas. Mas você sabe o que é e como funciona, especificamente, a lista de espera do Sisu?

A lista de espera do Sisu

Basicamente, a lista de espera do Sisu constitui uma relação de alunos que não foram aproveitados nas chamadas regulares, em nenhuma das duas opções de curso para as quais se inscreveu, e que será utilizada pelas instituições de ensino parceiras do processo seletivo nacional para preencher as vagas ainda disponíveis.

Nesta fase, podem participar tanto os estudantes que não foram escolhidos em nenhuma de suas opções nas duas chamadas regulares, quanto os candidatos selecionados apenas em sua segunda opção, mesmo que não tenham efetuado a matrícula correspondente. Essa medida é notável, porque os candidatos selecionados para sua segunda opção de curso podem ainda continuar a concorrer a uma vaga para sua primeira opção de curso.

A posição na lista de espera também acontece a partir das notas obtidas. Mas a classificação anterior no Sisu não reflete a nova ordenação da lista de espera, porque essa composição é feita apenas por candidatos que optaram por participar desta etapa. No entanto, se houver empate na pontuação geral, ficará mais bem posicionado o estudante que conseguiu maior nota na redação do Enem.

Como participar da lista de espera do Sisu?

Nos recentes processos seletivos do Sisu, feitas as segundas chamadas regulares, as inscrições nas listas de espera ocorrem mais ou menos quinze dias após este período.

Assim, os estudantes que tiverem interesse em aderir à lista de espera do Sisu devem ficar atentos para a abertura do prazo de inscrição e, na época correta, acessar o seu respectivo Boletim do Candidato, que estará na página virtual do sistema. Em seguida, ele deve confirmar sua vontade, clicando no botão que indica: “participar da lista de espera”. Na tela, logo depois de exercer tal iniciativa, o sistema emitirá uma mensagem de confirmação de inscrição do aluno nesta oportunidade. É muito importante checar se o sistema efetivamente confirmou a participação do candidato na lista.

Quando o prazo de inscrição na lista de espera encerra, a relação de candidatos segue para as instituições de ensino participantes, a fim de preencherem as vagas restantes e convocarem os novos candidatos selecionados. Várias chamadas poderão ser realizadas nesta fase, até que as vagas oferecidas sejam totalmente ocupadas. Por isso o aluno deve acompanhar frequentemente os resultados das convocações.

A primeira chamada tem comunicação corrente na página virtual do Sisu, o que normalmente ocorre dez dias depois do término da data de criação da lista de espera.  Depois, os candidatos devem acompanhar as novas convocações junto à instituição de ensino que está ofertando a vaga desejada.

Agora que você já sabe como funciona a lista de espera do Sisu, fique de olho nos resultados do programa e datas de inscrição. Esta pode ser a sua grande oportunidade para ingressar nas melhores universidades do país!