Como realizar o cadastro no Pronatec

Sisutec — Escrito por

Se engana quem ainda tem a mentalidade de que apenas com a formação universitária é que se conseguem as melhores colocações no mercado de trabalho. Hoje, o Brasil está com uma grande carência por profissionais de nível técnico, ao contrário do que vem acontecendo com o quadro na formação de nível superior. Segundo o Mapa do Trabalho Industrial do SENAI, até 2015, cerca de 7 milhões de vagas surgirão em todo o território nacional em cargos técnicos, sendo 1,1 milhão para novas posições.

Outra pesquisa divulgada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) revela, ainda, que os salários desses profissionais vem aumentando: Para cada ano de estudo, quem fez o curso técnico soma 14% ao salário. No caso dos tecnólogos, esse índice sobe para 24%, que inclusive é maior do que a média universitária, que apresenta uma margem 21% de aumento. Essa é uma verdadeira quebra de paradigmas, não acha?

Um dos projetos mais ambiciosos do Governo Federal para conseguir atender a essa nova demanda é o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Através dele, alunos de escolas públicas ou que possuam bolsa integral em escolas particulares, e que já tenham concluído o ensino médio, têm a oportunidade de se inscrever em cursos técnicos oferecidos pelo Sistema S de ensino – como o SENAI, o SENAC, o SENAR e o SENAT – além de outras escolas profissionalizantes e universidades com cursos nessas áreas, de forma gratuita.

Como posso efetuar meu cadastro no Pronatec?

Ainda não existe um sistema unificado para o cadastro no Pronatec. Cada instituição terá inscrições e critérios próprios para a seleção dos participantes do programa. De uma forma geral, entretanto, os candidatos devem entrar no site da instituição. Ao clicar em “Pesquisar”, será disponibilizada uma tela com as opções de curso e as unidades de ensino com vagas abertas, e a palavra “Inscrição”. Lá, o aluno tem que colocar seus dados básicos, como CPF, data de nascimento, grau de escolaridade, nome completo, telefone e e-mail.

As novas vagas serão abertas nos Serviços Nacionais de Aprendizagem (como o SENAC e SENAI), nas escolas públicas estaduais e nos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia. Lembrando que as vagas remanescentes do Sisutec e Sisu também são ofertadas pelo Pronatec, sem a necessidade do ENEM.

É importante, como já dito, procurar informações através das instituições de ensino que ofertam as vagas, além das escolas públicas federais, já que os critérios podem variar até mesmo de estado para estado. Ficar atento ao site do Pronatec também é uma boa forma para saber quando serão abertas novas inscrições.

Quem pode se cadastrar no Pronatec?

Além dos estudantes de escola publica ou com bolsa integral no ensino particular que estejam cursando o ensino médio, o Pronatec ampliou ainda mais o perfil dos candidatos neste ano. Agora, quem estiver desempregado ou já esteja formado no ensino médio também pode participar do programa, além dos alunos do ensino fundamental das escolas públicas. Claro, essas novas possibilidades devem estar de acordo com os critérios da instituição de interesse.

Ficou estimulado a procurar um curso técnico? Aproveite a oportunidade, realize o seu cadastro no Pronatec e garanta um futuro de sucesso!

 

Tags: , ,

Comente