Conheça os conteúdos que caem mais frequentemente no Enem

Enem — Escrito por

Veja quais os  temas que é preciso dar mais atenção.

Criado em 1998 para avaliar os alunos que vão concluir o ensino médio, o Exame Nacional do Ensino (Enem) se modificou com o passar dos anos, sendo hoje a avaliação mais importante do país.

Esse fato se deve principalmente à possibilidade de utilizar o exame como porta de entrada para universidades públicas e privadas, através dos programas Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e do Programa Universidade para Todos (Prouni).

A prova do Enem é composta por 180 questões objetivas, sendo 45 perguntas relacionadas a cada área do conhecimento. Veja a seguir quais são elas:

  • Ciências Humanas
  • Linguagens e Códigos
  • Ciências da Natureza
  • Matemática

Além do mais, o candidato terá que desenvolver um tema que contará pontos na prova de redação. O texto precisa ser dissertativo-argumentativo, seguir a norma culta da língua abordando o tema proposto.

Para você se dar bem na prova no Enem, criamos uma rotina de estudos completa e eficiente para você seguir com qualidade nestes dias. Fique ligado neste artigo que vamos te dar dicas para estudar com os conteúdos que caem com mais frequência na prova!

Veja o que estudar para cada prova do Enem

Coloque como prioridade o tempo de estudo e dedicação, logo abaixo, organizamos uma tabela por área de conhecimento com os principais temas da redação do Enem.

Atenção às dicas e elabore um cronograma de estudos com os conteúdos propostos, determinando prioridades de acordo com suas facilidades e dificuldades.

Ciências Humanas

Globalização: leia jornais e revistas, veja os principais termos abordados e faça leitura crítica.

Impactos ambientais: estude os principais problemas que afetam o meio ambiente e interferem na vida humana.

Geopolítica do mundo atual: mantenha-se informado, veja vídeos e faça programas culturais.

Energia e Recursos hídricos: faça resumos e sínteses.

Migrações e Regionalização Brasileira: estude mapas e faça a relação de conteúdos.

Idade Contemporânea: faça resumos sobre as principais ideias do período, como o iluminismo e o capitalismo.

Ditadura Militar: estude as características do governo, os principais representantes, os efeitos sociais e as principais consequências nos dias atuais.

Brasil colonial e Primeira República: organize uma linha do tempo demarcando os principais acontecimentos.

Idade Moderna: faça sínteses sobre as monarquias absolutistas que reinavam pela Europa. Não esqueça de estudar sobre os teóricos e pensadores famosos do período, como Hobbes e Maquiavel.

Platão e Aristóteles: estude os conceitos e as características principais de cada um.

Karl Marx, Émile Durkheim e Max Weber: faça resumos destacando as teorias de cada pensador, destacando suas principais reflexões.

Meios de comunicação e os movimentos sociais: leia jornais e revistas e faça programas culturais.

Linguagens e Códigos

Escolas literárias: faça uma linha do tempo colocando cada movimento literário com suas principais características e autores. Fique atento as principais semelhanças e diferenças entre eles.

Figuras de Linguagem: estude todas as figuras e fique atento para o sentido que elas provocam.

Gêneros Literários: faça uma síntese identificando todos os gêneros e sua intencionalidade.

Recursos Linguísticos: faça exercícios com polissemia (palavra que apresenta vários sentidos). Treine sua interpretação para perceber a intenção de cada discurso e entender a sutileza de sentido.

Ciências da Natureza

Ecologia: estude temas atuais, como sustentabilidade, desmatamento, poluição, uso da água, geração de energia, destino do lixo e aquecimento global. Procure ler jornais e revistas para se manter atualizado.

Evolução: faça sínteses sobre os mecanismos de formação de espécies, e as teorias de Lamarck e Darwin.

Fisiologia: priorize o estudo no funcionamento dos sistemas do corpo que costumam aparecer em questões que tratam o cotidiano.

Genética e Biotecnologia: faça resumos sobre a Primeira e Segunda Leis de Mendel (com foco na definição de genótipos e fenótipos e nos cálculos de probabilidade). Não esqueça de estudar técnicas do DNA recombinante, clonagem, terapia gênica e transgênicos.

Estequiometria e termoquímica: procure estudar cálculo da quantidade de calor liberado na queima de diferentes materiais, como combustíveis e equilíbrios químicos comuns.

Química orgânica: dê uma atenção especial no reconhecimento das funções orgânicas.

Energia: faça exercícios com temas ligados a energia térmica, mecânica newtoniana e circuitos elétricos. Fique atento com as fórmulas!

Fenômenos ondulatórios e óptica: faça os exercícios de provas anteriores, assim você consegue perceber a forma que o Enem cobra esse tipo de conteúdo e o que você precisa dar mais atenção!

Matemática

Funções matemáticas: estude os principais conceitos e fórmulas e faça muitos exercícios.

Progressão aritmética e geométrica: faça síntese sobre o conteúdo, para conseguir identificar uma PA ou PG e ainda relembre como aplicar as fórmulas do termo geral e da soma dos termos.

Probabilidade: faça exercícios para treinar os cálculos de probabilidade e memorizar os conceitos e fórmulas de probabilidade condicional e probabilidade de eventos simultâneos.

Trigonometria: revise os conceitos de triângulo retângulo, funções trigonométricas, radianos e quadrantes. Faça muitos exercícios para praticar!

Treine a redação

Procure construir um bom texto baseado no seu repertório cultural e linguístico. Não esqueça que a sua redação precisa refletir sobre o assunto apresentado defendendo a sua proposta de intervenção ou solução da “questão-problema”.

Para se preparar e não ficar desesperado, a dica é treinar. Faça diversas redações com os mais distintos temas e peça para um professor corrigir seu texto e apontar possíveis falhas ou alternativas para melhorar.

Veja a seguir alguns temas que podem cair na redação do Enem e comece a treinar o mais o rápido possível, confira:

  • Bullying e Cyberbullyng
  • Fake News e seus impactos
  • Ditadura militar
  • Doação de órgãos no Brasil
  • Crise da água
  • Inclusão Social
  • Demarcação de Terras e sobrevivência da cultura indígena
  • Crise Política do Brasil
  • Novos formatos de família no Brasil
  • LGBT
  • Assédio sexual
  • Aborto
  • Feminicídio

Atualmente há diversos sites e aplicativos que fornecem aos candidatos do Enem alguns simulados de redação gratuitos, fique atento!

Universidades particulares que aceitam a nota do Enem

Conheça algumas universidades privadas com excelentes avaliações do MEC  aptas a aceitar a nota do Enem para ingresso, seja pelo Prouni, FIES ou ingresso direto, confira:

Veja também:

Como usar a nota do Enem pra entrar na faculdade

Que nota preciso tirar no Enem para passar no Sisu?

E então, gostou das nossas dicas? Tem alguma informação interessante sobre o Enem que gostaria de compartilhar conosco? Deixe seu comentário aqui e participe da conversa!

Comente