O Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) é um programa do Governo Federal que tem como proposta incluir estudantes de baixa renda no ensino superior privado.

Ao final da graduação, o valor do financiamento precisa ser todo devolvido ao agente financiador. Porém, os juros são baixíssimos e o prazo para quitação é bastante longo.

Se você tem interesse em cursar o ensino superior e ter sua graduação financiada, é fundamental ficar atento a todas as datas importantes do processo seletivo para não perder nenhum prazo.

Para ajudar você, nós trouxemos para as principais datas do FIES 2020, além de outras informações importantes, como os critérios de participação do programa e como se inscrever no processo seletivo.

Datas do FIES 2020

Inscrições

O programa abre vagas para inscrição duas vezes ao ano: no primeiro e no segundo semestre.

Na primeira edição, as inscrições podem ser feitas entre os dias 5 e 12 de fevereiro.

Já na segunda edição, a previsão é que as inscrições sejam realizadas no fim de junho e início de julho.

Confirme as datas exatas quando os editais dos processos seletivos forem divulgados, no início de cada semestre.

Resultados

Na primeira edição do programa os resultados do processo seletivo ficam disponíveis no dia 26 de fevereiro;

Os candidatos que se inscreverem na segunda edição poderão saber os resultados do processo seletivo no início do mês de julho.

Tanto na primeira quanto na segunda edição, o candidato poderá saber se foi aprovado ou não. Para isso, basta acessar o site oficial com o número do CPF e a senha cadastrada.

Lista de espera

O resultado da lista de espera do primeiro semestre começa a ser divulgado no dia 18 de fevereiro, podendo se estender até o dia 31 de março.

Já na segunda edição, a lista ficará disponível entre julho e agosto.

Atenção: a lista de espera existe apenas para aqueles que foram cadastrados na modalidade FIES. Já o P-FIES possui apenas uma chamada.

Quem pode participar do FIES 2020?

Para participar do FIES 2020, o candidato precisa ter feito qualquer edição do Enem, a partir de 2010, e ter tido um desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas objetivas, além de ter tirado mais do que zero na redação.

Embora a pontuação mínima seja suficiente para que a inscrição do candidato seja aceita no processo seletivo, nem sempre ela será suficiente para a aprovação. O que valerá de fato para garantir a vaga será a nota de corte, que vai depender do desempenho dos demais candidatos.

A nota de corte média no curso de Administração, por exemplo, é de 543 pontos, enquanto que, no curso de Medicina, a nota pode chegar a 754 pontos. Tudo depende do nível de concorrência do curso escolhido pelo candidato.

O próximo requisito para participar do FIES 2020 é estar enquadrado nos critérios de renda bruta familiar estabelecidos pelo programa. O candidato tem a possibilidade de se inscrever em duas modalidades. São elas:

  • FIES: para candidatos com renda bruta familiar máxima de até 3 salários mínimos per capita. Após concluir o curso, o pagamento do financiamento deverá ser realizado por meio de parcelas mensais a serem definidas conforme a realidade financeira do estudante. Não há cobrança de juros nessa modalidade.
  • P-FIES: para candidatos com renda bruta familiar máxima de até 5 salários mínimos per capita. As condições de concessão de financiamento são definidas entre o agente financiador (banco), a faculdade e o estudante.

Como se inscrever no FIES 2020?

Todas as inscrições do FIES 2020 devem ser realizadas exclusivamente pela internet, por meio do site do FIES Seleção.

Para se inscrever, proceda da seguinte maneira:

  • Acesse o site oficial;
  • Digite o número do seu CPF e a sua data de nascimento;
  • O sistema realizará uma busca pelo seu registro de participação no Enem, para verificar se você obteve a pontuação mínima exigida pelo programa;
  • Cadastre uma senha de acesso e um e-mail;
  • Abra seu e-mail e clique no link enviado. Será aberta uma página de confirmação no portal do FIES;
  • Retorne ao site oficial e entre no sistema com seu CPF e sua senha;
  • Preencha seus dados pessoais;
  • Informe os dados e a renda de todos os membros do seu grupo familiar;
  • Por fim, escolha as opções de graduação com vagas disponíveis que você deseja financiar.

O que fazer se não conseguir passar no FIES 2020?

Se por algum motivo você não conseguir o financiamento do FIES, está tudo bem. A disputa é grande, e você não pode desistir da chance de conseguir ingressar no tão sonhado ensino superior.

Existem diversas faculdades reconhecidas e bem avaliadas pelo Ministério da Educação (MEC), com mensalidades bastante acessíveis e que possuem programas próprios de financiamento, além de oferecerem bolsas de estudos e descontos nas mensalidades.

Confira, a seguir, algumas dessas instituições:

Veja também:

Descubra quando sai o resultado do FIES 2020 e onde ver

Saiba que nota precisa tirar no Enem pra conseguir FIES 2020

Agora que você já sabe tudo sobre as principais datas do FIES 2020, conte para a gente aqui nos comentários: qual curso você pretende fazer?