Quem já está pensando nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deve começar a se preparar com o máximo de antecedência. Além de estudar para o exame, é importante ficar atento aos prazos de inscrição e saber todos as etapas do processo para poder preparar os documentos desde já. Deixar para a última hora pode causar transtornos e até mesmo prejudicar a sua participação no processo. Para te ajudar, separamos algumas informações importantes para quem vai prestar a prova.

Cronograma: inscrição, provas e gabarito do Enem

O exame acontece em uma única edição e possui um cronograma semelhante aos dos anos anteriores. Dessa forma, as inscrições par ao Enem devem acontecer no primeiro semestre, e as provas e a divulgação dos gabaritos e resultados no último trimestre do ano.

As inscrições apenas poderão ser feitas dentro do período estipulado pelo Ministério da Educação (MEC) e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), órgão responsável pela prova. Nesta época, os interessados em prestar o exame deverão acessar o site oficial do Enem e fazer a sua inscrição. Este é o único meio disponível para garantir sua participação no exame. Por isso, atente-se também ao site, aos comunicados em sua escola e noticiário para conferir a data de início das inscrições para o Enem.

Dados completos e comprovados para realizar a inscrição no Exame

No momento do cadastro é preciso fornecer dados como nome e endereço completos, documento de identidade (RG) e Cadastro de Pessoa Física (CPF). Além disso, os candidatos deverão preencher um formulário com informações como nível escolar, perfil socioeconômico, necessidades de atendimento especial e desejo de obter o certificado do ensino médio com a nota da prova.

Além disso, no momento da inscrição para o Enem, os candidatos deverão informar qual o idioma preferem na realização das provas de língua estrangeira (as opções são inglês e espanhol) e qual a cidade que preferem fazer a prova (apenas para as grandes cidades ou cidades com alto número de inscritos).

A inscrição tem uma taxa no valor de R$ 35,00, que deverá ser paga em qualquer banco dentro do prazo estipulado. Quem não realizar o pagamento terá a inscrição anulada. Em alguns casos é possível solicitar a isenção da taxa. Para isso é preciso, no momento da inscrição, declarar carência e se enquadrar em um dos perfis onde a dispensa do pagamento é garantida. Alunos que concluírem o ensino médio em escolas públicas ou que possuem renda familiar per capita de até um salário-mínimo e meio se enquadram nos requisitos. É preciso comprovar as condições acima através de documentos, que serão analisados pelo INEP e julgados válidos ou não.

Quem for portador de algum tipo de necessidade especial poderá solicitar, também no momento da inscrição, provas diferenciadas, intérpretes, salas de prova com acessibilidade estendida e até mesmo que a realização da prova seja feita no hospital onde o estudante está internado, por exemplo.

Acompanhamento da inscrição

Depois de preencher todo o formulário e pagar a taxa de inscrição, basta acompanhar a confirmação, guardar número da inscrição do Enem e a senha. É através desses dados que o aluno poderá acompanhar todas as etapas do processo, como informações sobre a inscrição, a realização da prova, os resultados e participação no Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

Depois é só esperar que os cartões de confirmação chegue ao endereço informado pelo aluno durante a inscrição. O cartão possui todas as informações fornecidas pelo candidato, além de horários e locais de prova. Quem não receber o cartão deverá imprimir a segunda via no mesmo site onde efetuou a inscrição.

Agora que você já sabe como funciona o processo de inscrição no Enem, fique de olho nos prazos, deixe toda a documentação preparada e sucesso no Exame!