O Enem 2020 está aí, na porta do gol!

As inscrições abrem em maio, mas quem quiser pedir isenção da taxa precisa se agilizar bem antes disso. O período para fazer a solicitação abre entre 30 e 40 dias antes das inscrições.

Por isso, fique de olho e veja agora mesmo se você pode fazer o Enem sem pagar nada.

Descubra também como fazer o pedido de isenção, o que fazer com a nota do exame e onde estudar!

Quem pode pedir isenção de taxa no Enem 2020?

O valor da taxa de inscrição do Enem tem ficado próximo de 10% do salário mínimo. Se você fizer as contas e parar para pensar, vai perceber que é uma quantia proibitiva para muitos brasileiros.

Para que essas pessoas tenham a chance de fazer o exame e, com ele, conquistar uma vaga no ensino superior, o Ministério da Educação (MEC) estabeleceu que é possível pedir para ser liberado dessa taxa em algumas situações.

Pode pedir a isenção de taxa de inscrição no Enem 2020 quem:

  • Fez todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada; além de ter renda familiar de até um salário mínimo e meio por pessoa.
  • Está em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda que possua Número de Identificação Social (NIS), único e válido; além de ter renda familiar, por pessoa, de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.
  • Está cursando a última série do ensino médio, em 2020, em escola da rede pública.

Como pedir isenção de taxa no Enem 2020?

É simples pedir a isenção de taxa no Enem 2020.

No período determinado (consulte o edital!), acesse o site oficial do Enem, faça seu cadastro e siga as instruções da tela para solicitar a isenção.

Você deve preencher todas as informações solicitadas, que variam de acordo com o seu perfil (estudante matriculado no terceiro ano do ensino médio, situação de vulnerabilidade ou renda familiar de até 1,5 salário mínimo por pessoa.

Aqui vai um alerta: nem pense em preencher o formulário com informações falsas para tentar ganhar o benefício caso você não se enquadre na situação de baixa renda! O MEC pode solicitar a comprovação dos dados a qualquer momento – e se houver qualquer discrepância, você vai ter problemas.

Lembre-se de confirmar com cuidado todas as informações prestadas e enviar a solicitação.

A resposta leva uns dias para chegar. Caso a sua solicitação seja reprovada, você terá um prazo para recorrer.

Outro alerta importante: mesmo que consiga a isenção da taxa, você vai ter que entrar no site do Enem novamente para fazer sua inscrição. Nessa etapa, além de preencher outras informações, você vai escolher se quer fazer a prova de idioma estrangeiro de inglês ou espanhol, dizer se precisa de atendimento especializado e selecionar o município onde quer fazer a prova, por exemplo.

Quem teve o pedido de isenção reprovado pode se inscrever normalmente e pagar a taxa de inscrição.

Como usar a nota do Enem 2020

Com ou sem isenção de taxa, fazer o Enem 2020 é uma excelente forma de investir em seu futuro!

Com a nota do exame dá para ter acesso ao ensino superior de diferentes formas. Confira as principais:

  • Sisu, para entrar na universidade pública
  • ProUni, para ganhar bolsa de estudos
  • FIES, para financiar o curso a juros baixos
  • Ingresso direto, para entrar na faculdade privada sem fazer vestibular

Onde estudar com a nota do Enem 2020

Antes mesmo de fazer o Enem já dá para começar a pesquisar faculdades. Afinal, você vai querer tirar o melhor proveito da sua nota e estudar num lugar conceituado, certo?

A gente dá uma forcinha!

Selecionamos algumas das melhores faculdades do Brasil onde você pode entrar com sua nota do Enem 2020. Elas são reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC, o que atesta um ensino de qualidade, oferecem cursos em todas as áreas do conhecimento e ainda contam com iniciativas como bolsas de estudos, financiamentos, descontos e convênios.

Anote aí:

Veja também:

Existe lista de espera para o Enem?

Vai pedir isenção da taxa do Enem 2020? O que pretende fazer com a sua nota? Conte para a gente aqui nos comentários!