Veja como saber qual é o local da prova do Enem 2019

Enem — Escrito por

Falta pouco até novembro. Isso significa que a contagem regressiva para o Enem 2019 já começou com tudo!

É aquele momento em que a gente começa a querer saber de todos os detalhes: o que cai, quando sai o resultado, os processos seletivos que vêm pela frente e especialmente o local de aplicação das provas!

Sim, quanto mais próxima a data do Enem, mais forte é a vontade de saber onde a gente vai fazer a prova: será que é perto? É longe? É fácil de chegar?

Veja como saber qual é o local da prova do Enem 2019 a seguir!

Como saber qual é o local da prova do Enem 2019

Quem estiver com pressa de saber como descobrir o local da prova do Enem 2019 vai ter que parar e respirar um pouco.

Isso só vai ser possível a partir da segunda quinzena de outubro, quando o MEC liberar o acesso ao cartão de confirmação da inscrição.

Trata-se de uma política da organização do Enem que tem se mantido por vários anos, e em 2019 não vai ser diferente.

Aproximadamente duas semanas antes da realização das provas, mais ou menos a partir do dia 15 de outubro, o participante que quiser saber o local das provas tem de fazer o seguinte procedimento:

  1. Acessar o site oficial do Enem.
  2. Informar o número de CPF e senha do Enem.
  3. A opção de acessar o cartão de confirmação vai aparecer.

O cartão de confirmação traz dados bem relevantes aos candidatos, como:

  • Número de inscrição no Enem 2019.
  • Data, horário e local de aplicação das provas.
  • Opção de prova de língua estrangeira (inglês ou espanhol).
  • Descrição de atendimento especializado ou específico (se for o caso).

Quem instalar o aplicativo do Enem 2019 poderá acessar o cartão de confirmação também pelo celular – o que é bem mais prático.

A organização do exame recomenda que os participantes levem o cartão de inscrição impresso ou no celular no dia da prova, embora não seja obrigatório.

Caso aconteça algum imprevisto, é sempre bom ter essas informações à mão, certo?

 

Dicas para chegar bem ao local de prova do Enem 2019

Uma dica importante: em algumas cidades ou bairros, a realização do Enem vira tudo de ponta cabeça!

Pode haver, por exemplo, engarrafamentos ou mudança na frequência das linhas de ônibus – já que as provas são aplicadas em dois domingos seguidos.

Tem também a questão do fuso horário. Alguns estados das regiões Norte e Centro-Oeste do Brasil têm uma ou duas horas a menos em relação a Brasília, e isso deve ser levado em conta.

O horário de verão, que começava poucas semanas antes das provas, deixou de existir no Brasil – o que é um obstáculo a menos para muita gente.

De qualquer forma, são vários e vários fatores que pode afetar a forma como você chega ao seu local de provas.

Por isso, não dê bobeira!

Siga as dicas abaixo e chegue seguro para encarar as provas:

  1. Assim que sair o cartão de confirmação da inscrição e você souber onde fica seu local de provas, faça o percurso de sua casa até lá para ver quanto tempo leva.
  2. Se for de carro, percorra o trajeto em horário de trânsito pesado. Vale a mesma dica para quem for de transporte público.
  3. Ainda que seja perto e dê para ir a pé, saia de casa com uma boa antecedência. Isso ajuda a contornar imprevistos.
  4. Certifique-se de que está levando tudo o que é imprescindível para fazer as provas: documento oficial com foto e caneta esferográfica preta.

Lembre-se de que a organização do Enem é implacável com horários. Um simples minuto pode fazer a diferença na vida de muita gente. Assim que os portões são fechados, e isso acontece pontualmente em todo o Brasil, ninguém mais entra.

Veja os horários oficiais (com base no de Brasília):

  • 12h – Abertura dos portões.
  • 13h – Fechamento dos portões.
  • 13h a 13h30 – Tempo para execução de procedimentos de segurança na sala de prova.
  • 13h30 – Início das provas.

Caso você se perca nos horários, será preciso esperar um ano inteiro para ter a oportunidade de fazer as provas novamente! Você não quer passar por isso, quer?

Anote as datas mais importantes do Enem 2019

O Enem exige muito estudo e atenção aos detalhes.

Por isso você precisa estar atento a tudo.

Anote aí as principais datas antes, durante e depois das provas:

  • Outubro: liberação do acesso ao cartão de confirmação da inscrição.
  • 3 de novembro: Provas de Ciências Humanas, Linguagens e Redação. O início acontece às 13h30 e termina às 19h.
  • 10 de novembro: Provas de Matemática e Ciências da Natureza. Começa às 13h30 e termina às 18h30.
  • 13 de novembro: divulgação oficial dos gabaritos e cadernos de questões.
  • Janeiro (ainda sem data): divulgação do resultado e liberação de acesso ao boletim de desempenho.

Depois dos resultados é hora de participar dos principais programas e processos seletivos que utilizam a nota do Enem para permitir a entrada de milhares de pessoas no ensino superior.

Temos pelo menos quatro grandes pela frente:

Sisu – Para quem quer entrar na disputa por uma vaga em universidades públicas de todo o país. Para participar das duas edições de 2020 basta ter feito o Enem 2019 e não ter zerado a redação. A concorrência é grande, portanto venha preparado com uma boa nota!

ProUni – Esse é o programa mais procurado por quem busca uma bolsa de estudos para fazer um curso superior em faculdade privada. A participação exige que o candidato se encaixe em determinados perfis socioeconômicos e apresente uma boa pontuação no Enem.

FIES – Para quem quer financiar o curso superior a juros baixos e prazo longo, o FIES é uma alternativa interessante. Os interessados devem apresentar bom desempenho em qualquer Enem a partir de 2010 e atender aos requisitos de renda.

Ingresso Direito – A melhor e mais prática forma de entrar numa faculdade particular com o Enem: basta apresentar as notas e assegurar a vaga!

Há centenas de boas faculdades pelo país onde você pode entrar com a nota do Enem, seja pelo ProUni, pelo FIES ou pelo ingresso direto.

A gente tem algumas sugestões bem interessantes para você:

Veja também:

Saiba tudo sobre o edital do Enem 2019 e as datas

Está tudo pronto para encarar o Enem 2019? Conte para a gente nos comentários!

Comente