MEC Aplicará Nova Prova do ENEM para Aluna Prejudicada

Notícias — Escrito por

O Ministério da Educação (MEC) esqueceu de aplicar prova para a aluna Jacqueline Chen, de 16 anos. Após justiça interferir, foi decidido que  o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) aplicasse uma nova prova para estudante no dia 13 de dezembro.

Fato

A estudante foi proibida no dia 4 de novembro, segundo dia do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), de realizar a prova, após ser confundida com uma homônima da cidade de Mogi das Cruzes que havia tirado fotos durante a realização do exame  e publicado nas redes sociais. Jacqueline ao chegar na sala na cidade de São Paulo foi retirado por um fiscal e obrigada a assinar um termo de eliminação. Já a estudante de Mogi das Cruzes participou sem nenhuma interrupção do segundo dia de prova.

Após caso se tornar público pelo Jornal O Estado de São Paulo, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante pediu desculpas a mãe da aluna e assegurou que a mesma faria uma nova prova. A candidata de Mogi das Cruzes foi eliminada.

Resultado

No final do mês de novembro a estudante paulistana Jacqueline Chen recebeu uma liminar lhe dando direito de escolher local, data e horário que faria a nova prova sendo então dispensada de realizar a prova nos dias 4 e 5 de dezembro, dias que foram aplicados os exames nas unidades prisionais e socioeducativas.

De acordo com o MEC, a aluna fará apenas as provas que seriam aplicadas no segundo dia, as questões serão de Linguagens, Códigos, Matemática e Redação.

As novas provas estavam marcadas para serem aplicadas no dia 13 de dezembro, porém o MEC não compareceu ao local, por esse motivo a nova chance de realizar a prova está marcada para o dia 20 de dezembro. Esta data ainda está sendo discutida pelos advogados, pois a aluna deseja realizar a prova no dia 18 dezembro.

[Ache os cursos e faculdades ideais para você!]

Tags: , ,

Comente