Veja a nota de corte de Jornalismo no Enem

Enem — Escrito por

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é a prova mais importante para quem deseja entrar em uma universidade.

O Enem em si não é um processo seletivo – ele não aprova ou reprova ninguém. Porém, a nota dos participantes é usada como critério de seleção para vagas em universidades públicas e privadas de todo o País, bem como para distribuir bolsas de estudo a pessoas de baixa renda.

O que os participantes do Enem querem saber é que nota devem tirar para serem aprovados na faculdade dos sonhos.

Já adiantamos que essa nota depende muito da universidade e do curso escolhidos. Para o curso de Jornalismo, por exemplo, as notas de corte mais altas podem ficar acima de 750 pontos.

Se você está pensando em fazer Jornalismo, saiba como usar a nota do Enem para entrar na faculdade e que pontuação pode garantir uma vaga.

 

Como entrar na faculdade de Jornalismo com a nota do Enem

Quem participa do Enem pode usar a nota para se inscrever em diversos programas do Governo Federal e processos seletivos para conseguir uma vaga em universidades de todas as regiões do País. Conheça os principais:

  • Sistema de Seleção Unificada (Sisu) – seleciona candidatos a vagas em universidades públicas.
  • Programa Universidade para Todos (ProUni) – distribui bolsas de estudo a pessoas de baixa renda em universidades particulares.
  • Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) – concede financiamentos estudantis a juros baixos.
  • Ingresso direto em universidades particulares sem precisar fazer vestibular.

 

Como funciona a nota de corte do Enem para o curso de Jornalismo

A nota mínima para ser aprovado em um processo seletivo é chamada de nota de corte. Essa nota corresponde à pontuação do último candidato selecionado para a vaga. Funciona da seguinte forma:

  • Quando um processo seletivo é aberto, os candidatos precisam escolher suas opções de vaga (em qual universidade, cidade, curso, turno e modalidade de concorrência desejam competir).
  • A disputa só acontece entre os candidatos que escolherem exatamente as mesmas opções.
  • Os inscritos que tiverem as maiores pontuações no Enem serão aprovados.
  • A nota do último candidato aprovado é considerada a nota de corte.

Por isso é muito comum vermos notas de corte bem diferentes dentro de uma mesma instituição. A pontuação mínima para entrar no curso de Jornalismo diurno pela ampla concorrência, por exemplo, pode ser diferente da nota para entrar em Jornalismo noturno por cotas na mesma universidade.

Não é possível sabermos com exatidão qual será a nota de corte de um processo seletivo. Somente após todos os candidatos se inscreverem é que as vagas são distribuídas e saberemos a nota de corte.

No entanto, podemos ter uma boa ideia da pontuação necessária para entrar em Jornalismo se observarmos as edições recentes destes processos seletivos.

Veja a seguir alguns exemplos de notas de corte para o curso de Jornalismo.

 

Notas de corte de Jornalismo para passar no Sisu

O Sisu é o primeiro processo seletivo que acontece após a divulgação dos resultados do Enem. A disputa é muito acirrada e em alguns casos é preciso ter uma média acima de 750 pontos para entrar na faculdade de Jornalismo.

Conheça algumas notas de corte mais recentes para o curso de Jornalismo:

Universidades com notas de corte acima de 750 pontos:

  • Universidade Federal do Pará (UFPA)
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

 

Universidades com notas de corte entre 700 e 750 pontos:

  • Universidade Federal Fluminense (UFF)
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • Universidade de Brasília (UNB)
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  • Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

 

Universidades com notas de corte entre 650 e 700 pontos:

  • Universidade Federal da Bahia (UFBA)
  • Universidade Federal do Maranhão (UFMA)
  • Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)
  • Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC)
  • Universidade Federal do Piauí (UFPI)

 

Universidades com notas de corte até 650 pontos:

  • Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN)
  • Universidade Federal de Sergipe (UFS)
  • Universidade do Estado da Bahia (UNEB)
  • Universidade Estadual do Piauí (UESPI)
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

 

Notas de corte de Jornalismo para passar no ProUni

Para se inscrever no ProUni é preciso ter feito a edição mais recente do Enem, com desempenho mínimo de 450 pontos na média das provas e nota maior que zero na redação.

Essa é a nota mínima para se inscrever e concorrer a uma vaga. Mas, para ser aprovado, muitas vezes é preciso ter uma pontuação bem mais alta.

Veja alguns exemplos de notas de corte recentes para o curso de Jornalismo:

Universidades com notas de corte acima de 600 pontos:

  • Universidade Estácio de Sá (UNESA)
  • Faculdade SATC (FASATC)
  • Centro Universitário UNA (UNA)
  • Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC)

 

Universidades com notas de corte até 600 pontos:

  • Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI)
  • Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE)

 

Notas de corte de Jornalismo para passar no FIES

O FIES aceita candidatos que tenham feito qualquer edição do Enem a partir de 2010, desde que tenham atingido no mínimo 450 pontos na média das provas e nota maior que zero na redação.

A nota mínima para conseguir um financiamento para o curso de Jornalismo varia bastante e depende da universidade escolhida.

Vale lembrar que o FIES tem requisitos de renda para participar.

Uma forma de saber suas reais chances de ser aprovado é acompanhar a divulgação da nota de corte parcial. Enquanto o período de inscrição estiver aberto, o FIES calcula uma nota de corte parcial considerando os candidatos inscritos até o momento. Esta nota é atualizada diariamente e, se você achar que tem mais chances em outra vaga, pode mudar de opinião quantas vezes quiser. Lembrando que apenas a última informação salva no sistema será considerada na classificação final.

Para saber a nota de corte de Jornalismo no FIES, acompanhe o site do FIES Seleção durante as inscrições.

 

Notas de corte de Jornalismo para ingresso direto em universidades particulares

Muitas universidades particulares oferecem vantagens a quem tem boas notas no Enem. Em alguns casos é possível entrar sem fazer vestibular – basta apresentar o desempenho no Exame e fazer a matrícula.

Em outras instituições é possível conseguir descontos nas mensalidades ou mesmo parcelamentos facilitados.

Cada universidade é livre para definir as regras de como isso vai funcionar. Procure a universidade de seu interesse e se informe sobre a quantidade de vagas, nota mínima para entrar e prazos para fazer a inscrição.

Conheça algumas universidades credenciadas pelo MEC que aceitam a nota do Enem e oferecem o curso de Jornalismo:

 

Veja também:

Descubra como calcular a nota do Enem

 

Vai tentar uma vaga para Jornalismo? Conte para a gente em qual universidade pretende estudar!

Comente