Nota de Corte Sisutec

Sisutec — Escrito por

O Sistema de Seleção Unificada para Cursos Técnicos (Sisutec) foi criado pelo Ministério da Educação (MEC) com o intuito de democratizar o acesso ao ensino em todo o país. Consiste na oferta de vagas em instituições públicas e privadas para os alunos que já concluíram o Ensino Médio e prestaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Entre as vagas oferecidas, 85% são voltadas aos estudantes que, independentemente de renda per capita familiar, tenham concluído o ensino médio em escola da rede pública ou em instituições privadas como bolsista integral.

Os estudantes têm duas oportunidades, por ano, para se inscreverem no Sisutec. A primeira chance de 2014 já foi. As inscrições se encerraram em março e as primeiras e segundas chamadas também foram realizadas (25 de março e 1º de abril). Agora só resta esperar pelas vagas remanescentes.

No segundo semestre haverá a oferta de novas inscrições. Por isso, vale a pena estar por dentro de todos os detalhes para que, na hora de preencher o cadastro, você não tenha nenhuma dúvida.

Entre as questões que mais geram dúvidas para os candidatos está a nota de corte. Por isso, confira a seguir como ela funciona e a sua influência na seleção dos candidatos.

A nota de corte

A nota de corte consiste na menor nota para ficar entre os selecionados num curso, com base no número de vagas e total de pessoas inscritas. Por isso, quanto mais concorrido for o curso, maior será a nota de corte.

Essa nota é calculada todos os dias pelo Sisutec, portanto, os candidatos devem ficar atentos, conferindo as mudanças diariamente. É também por esse motivo que os estudantes precisam ter alcançado boas notas no Enem.

É importante salientar que a nota de corte é somente uma referência para ajudar o inscrito no monitoramento de seu cadastro no Sisutec.

Entre os cursos mais concorridos deste ano, estão o de segurança do trabalho, com 59.625 inscrições; técnico em logística, com 49.386 inscrições; enfermagem, com 36.320 inscrições; técnico em informática, com 27.726, e técnico em edificações com 24.133.

Um pouco mais sobre o Sisutec

Só poderão participar do Sisutec os candidatos que fizeram o Enem 2014, porque será com o cadastro da prova (senha) que ele conseguirá efetuar a sua inscrição no http://sisutec.mec.gov.br.

Ao conferir todos os dados, a pessoa vai optar por dois cursos e poderá mudar de ideia no decorrer das inscrições. É nesse período que ela acompanhará a nota de corte, já tendo uma ideia se conseguirá ou não a vaga.

Depois do encerramento das inscrições, são realizadas duas chamadas. Diferente do Sisu, não há uma lista de espera. Por isso, para as vagas remanescentes, o aluno deve entrar novamente no site http://sisutec.mec.gov.br.

Os selecionados devem ficar atentos, pois há uma data limite para fazer a matrícula. O horário e os documentos necessários para selar a entrada no curso técnico devem ser informados pela própria instituição. Além disso, não poderão participar do Sisutec os candidatos que tiverem zerado na redação.

Agora é se preparar para realizar a inscrição no segundo semestre. Mais informações sobre o Sisutec podem ser sanadas no site http://sisutec.mec.gov.br.

Ainda ficou com dúvidas sobre a nota de corte da Sisutec? Quer acrescentar outra informação que considerar importante? Compartilhe as suas sugestões nos comentários abaixo!

 

 

Tags: , , ,

Comente