Saiba como é composta a nota do Enem 2018 e quando ela sai

Enem — Escrito por

Saiba mais sobre o Exame Nacional do Ensino Médio e descubra quando a nota da edição deste ano será divulgada.

Marcada para os dias 4 e 11 de novembro, o Enem 2018 terá suas notas divulgadas somente no começo do próximo ano, em 18 de janeiro de 2019. Nesse dia, serão divulgadas apenas as notas dos participantes que concluíram o ensino médio, as notas dos treineiros serão divulgadas apenas em março de 2019.

Com sua primeira edição realizada em 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio, ou Enem, cumpre atualmente a função de avaliar a qualidade do ensino básico oferecido aos estudantes brasileiros, mas também abre as portas para faculdades públicas e privadas de todo o Brasil.

A prova do Enem é organizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas, do Ministério da Educação, o MEC. Trata-se de um exame de bastante complexidade, que avalia, entre outras coisas, os conhecimentos dos estudantes, sua capacidade de raciocínio, de conectar informações, de construir argumentos e de pensar logicamente.

Como é composta a nota do Enem

A composição da nota do Enem é tão complexa quanto o conteúdo da prova. De maneira geral, as questões estão classificadas em níveis de complexidade, e a nota recebida em cada prova apresenta ao aluno seu desempenho em relação à faixa de complexidade, em cada matéria.

Para isso, todas as questões de cada prova são classificadas por seu grau de dificuldade. As mais fáceis se localizam abaixo da pontuação 500. As mais difíceis, de forma geral, estão classificadas entre 600 e 800 pontos.

As provas do Enem trazem questões de múltipla escolha, e são desenvolvidas a partir de uma metodologia bastante específica conhecida como Teoria de Resposta ao Item, ou TRI.

Dessa forma, na prova, o resultado obtido não será uma somatória das respostas acertadas no exame. O resultado, ou nota, traz uma espécie de diagnóstico em relação ao desempenho do aluno nas questões de cada grau de complexidade. O resultado dessa avaliação posiciona o aluno em uma escala de proficiência onde todos os milhões de outros candidatos também são incluídos.

Outro ponto importante para entender como a nota do Enem é composta diz respeito à quantidade de acertos em questões em relação ao total de questões. A prova do Enem também avalia quais questões foram acertadas e quais o aluno errou, além de quais foram as respostas dos outros candidatos para as mesmas questões.

Assim, quanto mais próximo da nota mínima um candidato estiver, menos se pode confiar que o estudante domina os conhecimentos exigidos na prova. Para o oposto vale a mesma lógica: quanto maior a nota alcançada por um aluno na prova, mais se pode confiar que ele domina os conhecimentos exigidos naquela avaliação. .

De acordo com o  sistema proposto pela teoria de Resposta ao ìtem (Tri) não será apenas o nível de dificuldade das questões certas que determinará a pontuação de cada  aluno. O valor recebido por ele em cada questão será definido de acordo com seu padrão de erros e acertos na prova.

Assim, um estudante que acertou todas as questões fáceis e apenas uma questão difícil receberá uma pontuação diferente para essa questão do que um aluno que acertou todas as questões difíceis.

Então, resumindo, a nota final obtida no exame será definida a partir do perfil do aluno, e de uma análise de todos os seus erros e acertos em conjunto comparadas com a média de acertos alcançada por todos os estudantes.

Quantos pontos vale a redação do Enem?

A prova do Enem também traz uma proposta de redação, cuja pontuação alcançada pode variar de 0 a 1000 pontos. Esta nota é dividida em cinco partes, e para cada uma o estudante pode receber até 200 pontos.

Esses 5 pontos são:

  • Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da Língua Portuguesa
  • Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa
  • Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista
  • Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação
  • Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos

Tópicos para estudar para o Enem 2018

Para se sair bem na prova, fazer uma imersão nos conteúdos propostos em cada disciplina pode significar uma grande vantagem aos alunos.

A seguir, veja a relação dos temas abordados nas questões das provas dos últimos anos. Observe com atenção, pois isso pode te ajudar a se preparar para o que te espera no Enem 2018.

Prova de Ciências da Natureza

  • Genética e evolução
  • Reprodução humana, animal e vegetal
  • Problemas de meio ambiente e possíveis soluções
  • Urbanização
  • Qualidade de vida
  • Saúde pública
  • Desenvolvimento
  • Atividades extrativistas
  • Esgotamento de recursos naturais
  • Alternativas energéticas ao petróleo
  • Eletricidade
  • Bioquímica
  • Características do universo
  • Termodinâmica
  • Radiação
  • Tabela periódica
  • Magnetismo e eletromagnetismo
  • Ondulatória
  • Transformações químicas
  • Propriedades das substâncias
  • Desenvolvimento tecnológico e científico

Prova de Ciências Humanas

  • A questão da escravidão e suas consequências
  • Geopolítica internacional
  • As grandes revoluções humanas
  • História do Brasil no período colonial
  • Industrialização brasileira
  • Brasil república
  • Movimentos sociais
  • A questão da democracia
  • Tecnologias que transformam vidas
  • Interação Homem x Natureza
  • Os regimes políticos brasileiros (de ontem e de hoje)
  • Cidadania e a luta por direitos

Prova de Matemática

  • Geometria
  • Estatística
  • Probabilidade
  • Lógica
  • Números inteiros e fracionais
  • Proporção
  • Razão
  • Planos e retas
  • Álgebra
  • Leitura de gráficos e interpretação
  • Medidas
  • Trigonometria
  • Retas e circunferências
  • Progressão aritmética
  • Funções

Prova de Linguagens

  • Análise de imagens, gráficos e tabelas
  • Análise de letras de música
  • A realidade brasileira
  • Os movimentos literários brasileiros
  • Impactos da tecnologia na vida brasileira
  • Linguagens da arte
  • Construção do texto: recursos expressivos, variedades, argumentação
  • Movimentos artísticos e culturais
  • Gêneros textuais
  • Norma padrão da língua portuguesa

Opções de faculdades para entrar com a nota do Enem 2018

A boa notícia para o estudante que vai prestar o Enem 2018 é que há excelentes faculdades, tanto públicas quanto particulares, que utilizam a nota do Enem em seus vestibulares, integralmente ou parcialmente.

A seguir, confira uma lista com boas opções:

Leia também:

Conheça as 10 faculdades a distância mais baratas do país

Como usar a nota do Enem pra entrar na faculdade

Agora você já sabe o que deve estudar para se sair bem na prova do Enem. Então, que tal contar pra gente qual curso você deseja fazer?

Comente