Entenda qual é a nota minima que você tem que tirar no Enem

Enem — Escrito por

Veja que nota é preciso tirar no Enem para entrar em boas universidades ou para conseguir uma bolsa de estudos. São várias opções. Confira!

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) já se tornou a principal forma de ingressar em universidades públicas e privadas no Brasil. 

Hoje, grande parte das faculdades tem processos seletivos mistos, com diferentes opções de formato: vestibular tradicional, ingresso via Enem e uso da nota do exame como complemento.

O resultado individual do Enem também é usado para selecionar estudantes em programas de bolsas de estudo e financiamento, como o ProUni (Programa Universidade para Todos) e o Fies (Programa de Financiamento Estudantil), ambos mantidos pelo governo federal.

A maioria dos processos seletivos e dos programas de incentivo que aceitam o resultado do Enem exige uma nota mínima no exame para que o candidato possa se inscrever. 

Depois, no processo de seleção, também existe uma nota mínima (ou “nota de corte”) para que o candidato seja aprovado, já que ele concorre com outros estudantes que optaram pelo mesmo curso e pela mesma universidade.

Quer entender melhor? Basta acompanhar os detalhes que aqui descrevemos!

Nota mínima para o Sisu

O Sisu (Sistema de Seleção Unificada) é o processo seletivo mais concorrido entre os que utilizam a nota do Enem.  Nesse sistema são selecionados estudantes para instituições públicas de todo o país – especialmente federais.

Para se inscrever, basta não ter tirado zero na Redação do Enem. Ao longo do período de inscrição, contudo, os candidatos são classificados conforme seu desempenho na prova.

Assim, quem não tem uma nota boa acaba não conseguindo uma vaga em suas primeiras opções e precisa procurar instituições e cursos menos concorridos dentro do sistema. Ao fim do período de inscrição, é considerada válida a última opção feita pelo candidato.

As notas de corte de cada curso variam ano a ano, mas é possível ter uma ideia do desempenho mínimo olhando para os processos seletivos mais recentes.

Aqui está uma média das notas mínimas do Sisu para alguns dos cursos de graduação mais procurados pelos estudantes brasileiros:

  • Administração: 655
  • Arquitetura e Urbanismo: 727
  • Ciências da Computação: 681
  • Direito: 740
  • Enfermagem: 700
  • Engenharia Civil: 713
  • Letras: 633
  • Medicina: 797
  • Odontologia: 750
  • Pedagogia: 612
  • Psicologia: 732

Nota mínima para o ProUni

O ProUni distribui bolsas de estudo em universidades privadas para estudantes de baixa renda que tenham feito o ensino médio na rede pública ou com bolsa integral em escolas particulares.

Além de cumprir requisitos socioeconômicos para se candidatar ao ProUni, é preciso ter obtido pelo menos 450 pontos na edição mais recente do Enem, com nota acima de zero na Redação.

Já as notas mínimas para ser aprovado e conseguir uma bolsa variam conforme o curso, a instituição e os resultados dos demais alunos concorrentes. 

Geralmente, elas são mais baixas do que as do Sisu. Veja a média das notas de corte para o ProUni considerando os mesmos cursos da lista anterior:

  • Administração: 650
  • Arquitetura e Urbanismo: 672
  • Ciências da Computação: 699
  • Direito: 681
  • Enfermagem: 634
  • Engenharia Civil: 665
  • Letras: 598
  • Medicina: 763
  • Odontologia: 680
  • Pedagogia: 564
  • Psicologia: 650

Nota mínima para o Fies

O Fies, também do governo federal, concede financiamento a juros baixos para estudantes de universidades privadas. O aluno que consegue o Fies começa a pagar a faculdade apenas depois de formado. 

Assim como no ProUni, é preciso cumprir alguns requisitos socioeconômicos e apresentar nota acima de 450 no Enem, sem zerar a Redação. O Fies, contudo, aceita as notas de anos anteriores do Enem, a partir da edição de 2010.

Normalmente, o Fies tem uma nota de corte mais baixa do que o Sisu e o ProUni. Confira as médias, com base nos últimos processos seletivos do programa:

  • Administração: 543
  • Arquitetura e Urbanismo: 596
  • Ciências da Computação: 562
  • Direito: 606
  • Enfermagem: 555
  • Engenharia Civil: 577
  • Letras: 592
  • Medicina: 754
  • Odontologia: 621
  • Pedagogia: 548
  • Psicologia: 569

Outro detalhe importante: conseguir o Fies tem ficado cada vez mais difícil. Candidatos a cursos de áreas prioritárias, como Saúde e Educação, têm mais chances de conseguir essa modalidade de financiamento.

Nota mínima para faculdades particulares

A opção menos concorrida e menos burocrática de usar a nota do Enem é o ingresso direto (sem fazer vestibular) em universidades privadas. 

Nesse caso, a nota mínima varia conforme a instituição de ensino e o curso. Existem faculdades que exigem apenas que o estudante não tenha zerado em nenhuma das provas do Enem.

Em algumas instituições, seu resultado no Enem pode até render uma bolsa de estudos. É o caso, por exemplo, da Cruzeiro do Sul Virtual, que permite ingresso direto a partir de 300 pontos e concede bolsas parciais para quem fez mais de 450.

Quer conhecer boas opções? Aqui está uma lista de universidades privadas reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC, que aceitam o Enem como forma de ingresso, trabalham com programas federais e têm iniciativas próprias de bolsas e descontos:

Para saber mais, clique nos links acima e navegue pelos sites das universidades. 

Viu como o Enem é uma grande porta de entrada para o ensino superior? Bons estudos e boa sorte!

Leia também:

Veja a tabela de pontos do Enem para cada curso

Como conseguir uma bolsa de estudos

Conseguiu entender como funcionam as “notas de corte” do Enem para entrar na faculdade? Que curso você pretende fazer? Conte para a gente nos comentários!

Comente