Descubra se você pode usar as notas antigas do Enem

Enem — Escrito por

Sabe aquele Enem que você fez há alguns anos e que, por algum motivo, acabou deixando de lado?

O que você faria se soubesse que ele ainda pode ser usado para conseguir vaga na faculdade?

Pois é! Quem sabe agora você não tira aquele Boletim de Desempenho da gaveta e tenta entrar no curso superior? Pode ser a chance de mudar de carreira e de vida sem ter que passar o ano todo estudando para fazer uma nova prova!

Pensando nisso, a gente preparou um guia rápido sobre como você pode usar as notas de edições anteriores do Enem para conquistar o sonho do diploma universitário.

Veja tudo a seguir!

Como usar notas antigas do Enem

Dá para usar as suas notas antigas do Enem de três formas: para tentar um financiamento estudantil, disputar bolsas de estudos ou entrar direto na faculdade particular, sem precisar fazer vestibular.

Entenda como cada um desses mecanismos funciona.

Use a nota antiga do Enem para entrar na faculdade particular

Por meio do ingresso direto, sistema utilizado em um número cada vez maior de faculdades brasileiras, dá para conquistar uma vaga instantaneamente, só com a nota do Enem.

Para isso, basta informar a pontuação obtida em cada uma das provas do exame. Normalmente, as faculdades exigem que o candidato tenha feito qualquer edição a partir de 2010, quando o Enem adquiriu o formato que tem hoje.

Caso a sua nota seja suficiente, pode providenciar a documentação requisitada e fazer a matrícula. É simples assim, pode acreditar!

O ingresso direto dá acesso a cursos presenciais e a distância em todas as áreas do conhecimento, com exceção de Medicina, que geralmente tem um processo seletivo próprio.

Use a nota antiga do Enem para obter financiamento estudantil

O FIES é um programa do Governo Federal que oferece financiamento a prazo longo e juros abaixo dos praticados no mercado. A dívida só começa a ser quitada depois da formatura. É uma alternativa superinteressante para quem quer entrar no ensino superior privado e está sem condições financeiras de bancar as mensalidades.

Para concorrer ao benefício, é fundamental ter feito qualquer edição do Enem a partir de 2010. Só que aqui, diferentemente do ingresso direto, é preciso apresentar pontuação de pelo menos 450 na média das provas, sem ter zerado a redação.

Os interessados também precisam atender a um parâmetro de renda familiar, que deve ser de até cinco salários mínimos por pessoa.

O FIES é concedido mediante processo seletivo. Ou seja, os candidatos que apresentarem as maiores notas no Enem têm mais chances de receber o financiamento. As inscrições abrem duas vezes ao ano.

Use a nota antiga do Enem para conseguir bolsa de estudos

Em apenas uma situação em particular é possível utilizar a nota de edições anteriores do Enem para participar do ProUni, o Programa Universidade para Todos, e conquistar uma bolsa de estudos integral ou parcial em faculdades particulares de todo o país.

Na seleção regular, o programa exige que os candidatos tenham feito obrigatoriamente o Enem mais recente.

No entanto, depois da primeira chamada e das convocações da lista de espera, o MEC pode afrouxar os requisitos para que novos candidatos ocupem eventuais vagas remanescentes, aquelas que sobraram após o encerramento do processo seletivo principal.

Nesse caso, quem fez qualquer edição do Enem a partir de 2010 e obteve pelo menos 450 pontos na média das provas poderá participar.

Só que a seleção do ProUni é um pouco mais restrita que a do FIES. Aqui, além dos requisitos de renda familiar, os candidatos também precisam ter feito todo o ensino médio em escola pública ou como bolsista integral de escola da rede particular. A seleção também aceita pessoas com deficiência e professores da rede pública de ensino.

Essas convocações podem acontecer dependendo do número de vagas que sobram em cada edição do ProUni. O importante é ficar ligado nas chamadas que o MEC realiza. Normalmente elas acontecem um tempo depois do encerramento das inscrições do período regular.

Faculdades onde estudar com a nota antiga do Enem

Infelizmente, não dá para usar as notas anteriores do Enem para tentar vaga em universidades públicas pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O programa só deixa se inscrever quem fez a edição mais recente e não zerou na redação.

Por outro lado, existe o número imenso de faculdades particulares por todo Brasil onde é possível conseguir vaga com a nota antiga do Enem.

A gente traz alguma dessas sugestões aqui para você. São instituições reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC que oferecem cursos presenciais e a distância em diferentes áreas. Todas elas participam do ProUni e do FIES, trabalham com o ingresso direto e oferecem diversas oportunidades de bolsas, descontos e parcelamento das mensalidades.

Conheça:

 

Veja também:

Saiba se é possível fazer o Enem sem pagar nada

 

E aí, onde você vai usar sua nota antiga no Enem? Conte para a gente nos comentários!

Comente