Descubra quais as notas de corte do SISU 2018

Sisu — Escrito por

A primeira edição do Sisu 2018 aconteceu no final de janeiro e atraiu quase 2 milhões de pessoas. Elas entraram na disputa por uma das cerca de 240 mil vagas em diversos cursos por todo o país.

Foram quatro dias de muita correria, observando a flutuação das notas de corte e, claro, torcendo muito para conseguir aquela tão sonhada vaga em uma instituição pública de ensino superior.

Se você participou do Sisu 2018 ou pretende encarar esse processo seletivo nos próximos anos, com certeza está curioso pra saber quais foram as notas do Enem que garantiram entrada no curso desejado.

A gente trouxe algumas das principais notas de corte registradas nessa edição! Veja a seguir!

As notas de corte do Sisu 2018

A primeira edição do Sisu 2018 começou no dia 23 de janeiro e terminou no dia 26. A tão esperada lista com o nomes dos aprovados saiu logo depois, no dia 29.

Junto a ela, foram divulgadas algumas notas de corte da edição.

Caso você esteja se perguntando, a nota de corte é a pontuação mínima necessária para conseguir vaga em determinado curso. Ela varia de acordo com a graduação, a instituição, a modalidade de concorrência e até o turno escolhido.

Esse ano, as maiores registradas ficaram no curso de Medicina, quase 900 pontos.

Confira algumas médias pelo país nos principais cursos oferecidos pelo Sisu em 2018:

  • Administração – 600 a 780 pontos
  • Arquitetura e Urbanismo – 680 a 790 pontos
  • Ciências Biológicas – 500 a 710 pontos
  • Direito – 670 a 850 pontos
  • Educação Física – 590 a 730 pontos
  • Enfermagem – 630 a 750 pontos
  • Engenharia Civil – 680 a 870 pontos
  • Fisioterapia – 670 a 750 pontos
  • Medicina – 765 a 880 pontos
  • Medicina Veterinária – 650 a 820 pontos
  • Odontologia – 715 a 840 pontos
  • Pedagogia – 520 a 750 pontos
  • Psicologia – 620 a 820 pontos

 

Em outros cursos, as médias devem se manter no mesmo patamar de anos anteriores. Confira algumas:

  • Ciência da Computação – 760 pontos
  • Ciências Contábeis – 739 pontos
  • Ciências Econômicas – 710 pontos
  • Ciências Sociais – 648 pontos
  • Design – 680 pontos
  • Engenharia Elétrica – 770 pontos
  • Engenharia Química – 778 pontos
  • Farmácia – 724 pontos
  • Gastronomia – 755 pontos
  • Jornalismo – 730 pontos
  • Letras– 710 pontos
  • Matemática – 640 pontos
  • Nutrição – 730 pontos
  • Publicidade e Propaganda – 740 pontos
  • Química – 690 pontos
  • Relações Públicas – 720 pontos
  • Serviço Social – 708 pontos
  • Turismo – 680 pontos
  • Zootecnia – 660 pontos

A nota média para conseguir vaga em boa parte dos cursos é de 680 pontos. Entre os mais concorridos, esse valor sobe para 750 e até 850 pontos.

Os cursos mais procurados do Sisu 2018

Em 2018 não tivemos grandes surpresas entre os cursos mais procurados. Medicina veio em primeiro, seguida de Direito e Administração.

Juntos, eles somam mais de 20% do total de inscritos.

Veja a relação:

  1. Medicina –163 mil inscritos
  2. Direito – 146 mil inscritos
  3. Administração – 99 mil inscritos
  4. Enfermagem – 71 mil inscritos
  5. Pedagogia – 68 mil inscritos
  6. Psicologia – 63 mil inscritos
  7. Educação Física – 56 mil inscritos
  8. Medicina Veterinária – 47 mil inscritos
  9. Engenharia Civil – 46 mil inscritos
  10. Ciências Contábeis – 45 mil inscritos

 

Como participar do Sisu 2018

Agora que a primeira edição do Sisu já encerrou, resta tentar uma vaga no segundo semestre.

A outra edição do Sisu acontece normalmente entre junho e julho.

Para participar, você precisa obrigatoriamente ter feito o Enem 2017 e obtido nota maior que zero na redação.

Quem não fez o Enem 2017 poderá se inscrever para o exame em 2018 e tentar o Sisu somente em 2019.

Sua nota não foi suficiente para entrar no Sisu? Conheça outras opções

Se as notas de corte do Sisu 2018 estão altas demais para a pontuação que você obteve no Enem, saiba que ainda há chances. Temos mais alguns processos seletivos pela frente e, quem sabe, em algum deles você pode conseguir a tão sonhada vaga em um curso superior ainda este ano.

Conheça as opções:

  • ProUni 2018 – Quem obteve pelo menos 450 pontos na média das provas e não tirou zero na redação do Enem 2017 poderá concorrer a uma bolsa do ProUni, o Programa Universidade para Todos, ainda em 2018. A bolsa pode cobrir integralmente ou parcialmente as mensalidades de uma faculdade particular. O programa é destinado a quem se encaixa em certos perfis de formação escolar e renda familiar definidos pelo MEC. As inscrições abrem duas vezes ao ano, sempre após o encerramento do Sisu.
  • FIES – O Fundo de Financiamento Estudantil também é direcionado a quem fez o Enem e obteve desempenho de pelo menos 450 pontos na médias provas e nota acima de zero na redação. Só que aqui, diferentemente do ProUni, vale qualquer edição do exame a partir de 2010 – inclusive a mais recente. O programa permite financiar um curso superior a juros baixos e com prazo longo para pagamento da dívida. Também é preciso se encaixar em um dos perfis de renda definidos pelo MEC . As inscrições abrem duas vezes ao ano, normalmente após o encerramento do ProUni.
  • Ingresso direto – Para quem não aguenta mais processos seletivos, uma boa pode ser optar pelo ingresso direto, modalidade que conta com cada vez mais adeptos entre as faculdades particulares brasileiras. Aqui o candidato apresenta a pontuação que obteve no Enem (vale qualquer edição) e se alcançar a nota solicitada para aquele curso já pode se matricular.

O universo de faculdades que participam do ProUni, do FIES ou do ingresso direto é imenso.

A dica que nós trazemos para você é: só escolha instituição bem avaliada pelo MEC, aquela que vai oferecer a melhor qualidade de ensino, boa infraestrutura e, claro, uma formação reconhecida e bem aceita no mercado de trabalho.

Anote algumas boas faculdades que separamos para você:

Veja também:

Como usar a nota do Enem pra entrar na faculdade

O que achou das notas do Sisu 2018? Conseguiu sua vaga ou vai aguardar a próxima edição? Conte para a gente nos comentários!

Comente