Com a finalidade de nortear as questões da prova do ENEM e testar a capacidade do candidato de mostrar suas habilidades cognitivas (pensar, raciocinar, perceber, tirar informações implícitas do que lhe é dado) foram criados, ou pelo menos deixado claros 5 eixos cognitivos. Cada um desses eixos cognitivos, também chamados de competências, está encarregado de testar e avaliar a capacidade do aluno de colocar o conhecimento que foi adquirido até ali em prática, de maneira ética e responsável na sociedade. São estes os Eixos Cognitivos analisados pela banca do ENEM em cada uma das provas e da redação:

I. Dominar Linguagens

Além de ter o domínio da norma culta da Língua Portuguesa e fazer uso das linguagens matemática, artística e científica e das línguas espanhola e inglesa, o candidato deve saber reconhecer os vários tipos de discursos e saber usá-lo no contexto certo. Quem domina a linguagem, domina a interpretação de textos, gráficos, imagens e domina também a escrita, a dissertação e tem a capacidade de expressar claramente suas ideias de maneira coerente e que corresponda à realidade.

II. Compreender Fenômenos

Esta competência irá analisar como o candidato enxerga e compreende os fenômenos naturais, tecnológicos e, até mesmo, manifestações artísticas. Será avaliado a capacidade do aluno em perceber que, dada uma ação, será provocada uma certa consequência. E para isso tudo, será necessário interpretar informações que não estarão explícitas nos textos dos enunciados, informações que foram adquiridas ao longo da vida pessoal, social e acadêmica do aluno.

III. Enfrentar Situações-Problema

O objetivo desta competência é analisar a capacidade do candidato de colher dados e informações de diferentes fontes, relacioná-los, organizá-los e interpretá-los para tomar uma decisão eficiente frente a uma situação problemática. O aluno deverá mostrar sua habilidade em encontrar saídas para uma determinada situação e sua predisposição a enfrentar desafios e superar obstáculos tendo sempre em vista um objetivo que lhe foi dado.

IV. Construir Argumentação

Saber construir uma argumentação consistente é saber conciliar seus próprios conhecimentos e experiências passadas para elaborar uma opinião convincente.

O importante aqui é que o candidato tenha a habilidade de construir um argumento que convença e conseguir “vendê-lo”. Concluindo, podemos dizer que para Construir uma Argumentação é necessário usar de estratégias e procedimentos com início, meio e fim que visam sempre o lado positivo de sua ideia.

V. Elaborar Proposta

Nesta competência o aluno será avaliado no que diz respeito a Elaborar uma Proposta para um dado problema com base nos conhecimentos até aqui adquiridos, seja na sua vida dentro da escola ou na vida pessoal, tendo sempre em vista os valores da sociedade, as culturas diferentes e os direitos de cada um. Elaborar uma Proposta significa tomar partido, tentar transformar um problema em uma oportunidade para obter resultados positivos. E é importante que o candidato saiba que aqui ele será avaliado pelos seus pensamentos coletivos. Além de tudo isso, o candidato deve ser capaz de juntar vários pensamentos e suposições diferentes e relacioná-los com as informações disponíveis para Elaborar várias soluções para o mesmo problema.

[Ache os cursos e faculdades ideais para você!]