Descubra tudo sobre o ProUni que acontece no meio do ano

Prouni — Escrito por

Pretende começar a faculdade no segundo semestre, mas não sabe se existe ProUni no meio do ano? Explicaremos tudo certinho!

Iniciar um curso superior é o sonho de muitas pessoas, porém a grande concorrência nas universidades públicas e as altas mensalidades das particulares podem ser um empecilho para muitos.

Pensando em democratizar o ensino superior, foi criado o ProUni. O programa oferece bolsas de estudos de 50% a 100% para candidatos de baixa renda. Quer saber mais sobre o programa e se existe ProUni no meio do ano? Confira agora!

ProUni no meio do ano: é possível participar do programa no segundo semestre?

O Programa Universidade para Todos foi lançado em 2004 e desde então já beneficiou cerca de 2 milhões de alunos em todo o país.

Este projeto oferece bolsas de estudo de 50% a 100% e conta com duas edições por ano. Portanto, se você vai começar a faculdade no segundo semestre poderá participar do processo seletivo.

Processo seletivo do ProUni do meio do ano

Existem algumas exigências para participar do processo seletivo do ProUni. Listamos todas elas para você. Confira:

  • Candidatos sem diploma de curso superior;
  • Participantes do Enem 2018 que tenham obtido pelo menos 450 pontos nas provas e não tenham zerado a prova de Redação;
  • Renda familiar bruta mensal comprovada de até um salário mínimo e meio por pessoa para concorrer à bolsa integral (100%);
  • Renda familiar bruta mensal comprovada de até três salários mínimos por pessoa para concorrer à bolsa parcial (50%).

Além de se encaixar em todos critérios citados acima, o candidato deve estar  enquadrado em pelo menos uma das condições abaixo:

  • Ter estudado em escola pública durante todo o ensino médio;
  • Ter estudado em escola particular, na condição de bolsista integral durante todo o ensino médio;
  • Ter estudado parte do ensino médio em escola pública e a outra parte em escola particular, na condição de bolsista integral;
  • Possuir alguma deficiência;
  • Atuar como professor da rede pública de ensino (para bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura). Nesse caso, não há requisitos de renda.

Inscrições para o ProUni do meio do ano

As datas das inscrições do ProUni do segundo semestre de 2019 ainda não estão disponíveis, mas você pode se basear pelas datas do ProUni do segundo semestre de 2018 que foram marcadas para o final do mês de  junho.

A inscrição para o processo seletivo do Prouni tem apenas uma etapa, que é gratuita e deve ser feita exclusivamente na página do Prouni.

No momento da inscrição será solicitado que o candidato informe o número de inscrição do Enem do ano anterior e a senha mais recente usada no Enem.

Quando o candidato estiver realizando a inscrição, ele deve escolher, com base nas bolsas disponíveis, até duas opções de instituição, curso e turno. Essa escolha deve ser feita em ordem de preferência.

Após o período de inscrições serem encerrados, serão realizadas duas chamadas. É importante que os candidatos fiquem atentos, pois assim que a lista de chamada for disponibilizada, será estipulado um prazo para que os aprovados compareçam à instituição de ensino para apresentarem os documentos solicitados.

Notas de corte do ProUni do meio do ano

A nota de corte refere-se a menor nota que se pode obter para ficar entre os pré-selecionados em determinado curso.  Durante o período de inscrições do ProUni, pessoas do Brasil inteiro se candidatam às vagas disponíveis. Por isso, a nota de corte do programa acaba mudando todos os dias.

Por exemplo, se você obteve 600 pontos e a maioria dos candidatos que estão concorrendo ao mesmo curso que você obtiveram pontuação entre 580 e 620, você está dentro da nota de corte. Mas se no dia seguinte, muitos candidatos com pontuação 700 começarem a se candidatar a essa vaga, você fica de fora.

Essa variação ocorre até o último dia de inscrição, mas para ajudar os candidatos a terem uma ideia de suas posições, o sistema do ProUni divulga diariamente as notas de corte parciais.

Fiquei fora da nota de corte! O que eu faço agora?

Já deu para perceber que o ProUni é bem concorrido, não é mesmo? Portanto, existe sim a possibilidade de não conquistar a tão sonhada bolsa. Mas, se isso acontecer com você, não desanime! Tem outras formas menos burocráticas de entrar para a faculdade.

Você pode, por exemplo, optar pelo ingresso direto em faculdade particular. Basta apresentar para a faculdade a nota que você alcançou no Enem e, se ela for a mínima exigida pela instituição, você poderá fazer a matrícula e iniciar o curso.

Muitas pessoas têm medo de optar pelo ingresso direto, pois acham que as mensalidades das faculdades particulares são caras. No entanto, isso não é verdade absoluta, já que existem muitas faculdades bem avaliadas pelo MEC possuindo mensalidades bem acessíveis.

Além do mais, elas têm programas próprios de bolsas e descontos em mensalidades. Conheça algumas delas:

Veja também:

Como usar a nota do Enem pra entrar na faculdade

Entenda como funciona o Sisu do segundo semestre de 2019

Existem muitas formas de ingressar para a faculdade. Portanto, caso sua primeira opção não saia conforme planejado, há sempre uma outra possibilidade a ser considerada. O importante é você começar o tão sonhado curso superior.

Já sabe tudo sobre o ProUni no meio do ano? Conte para a gente como pretende usar sua pontuação!

Comente