Veja quanto precisa tirar no Enem pra passar em Fisioterapia

Enem — Escrito por

Você sabia que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é o maior exame do Brasil e o segundo maior do mundo, atrás somente da prova de admissão do ensino superior chinês?

O Enem foi criado pelo Ministério da Educação (MEC) no século passado (1998!) para medir a qualidade da educação no país. Em 2009, passou por uma série de mudanças, teve um aumento no número de questões e ganhou o formato que conhecemos hoje.

Atualmente, o Enem permite desde entrar em uma universidade pública sem precisar fazer vestibular até conseguir ajuda de programas governamentais para custear os estudos. Ou seja, fazer o exame é importantíssimo para qualquer brasileiro que queira entrar na faculdade.

E não é diferente para quem pretende cursar Fisioterapia!

Veja a seguir quantos pontos você precisa tirar no Enem para passar em Fisioterapia nos diversos processos seletivos que usam a nota do exame como critério de classificação. Ao final, vamos contar onde você pode estudar Fisioterapia usando a sua nota do Enem!

Como usar o Enem para entrar em Fisioterapia

Atualmente, é possível usar o Enem para cursar Fisioterapia participando dos seguintes processos seletivos:

Sisu: O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é o mais concorrido entre os processos seletivos que utilizam o Enem. Ele classifica candidatos para vagas em universidades públicas. Para se inscrever é preciso ter feito o Enem mais recente e não ter zerado a redação.

ProUni: O Programa Universidade para Todos (ProUni) é uma iniciativa do governo federal voltada a estudantes de baixa renda que concede bolsas integrais e parciais em faculdades particulares. Para se candidatar ao benefício é necessário ter obtido pelo menos 450 pontos na média das provas da edição mais recente do Enem, sem ter zerado a redação, além de se enquadrar em critérios de renda familiar e formação.

FIES: O Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) também é um programa do governo federal direcionado a estudantes de baixa renda, mas é diferente do ProUni. Trata-se de um empréstimo para bancar as mensalidades da faculdade particular. Como todo dinheiro emprestado, a dívida deverá ser paga um tempo depois. No FIES, esse prazo é estendido: as parcelas só começam a chegar depois da formatura. Para concorrer ao financiamento é preciso ter obtido desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas de qualquer edição do Enem a partir de 2010, sem ter zerado a redação, e atender ao critério de renda familiar estabelecido pelo programa.

Ingresso direto em faculdades particulares: As faculdades particulares estão cada vez mais entrando na onda do Enem como forma de ingresso. É uma ótima opção, pois quem opta por essa modalidade não precisa fazer o vestibular. Para entrar em uma instituição de ensino privada com a nota do Enem, geralmente só é necessário apresentar a pontuação e alguns documentos pessoais. É tudo muito rápido, sem estresse e sem burocracia – além de muitas vezes ser de graça!

Pontuação no Enem pra passar em Fisioterapia pelo Sisu

Quem pretende entrar no curso de Fisioterapia em uma universidade pública por meio do Sisu deve se preparar bastante: de todas as formas de ingresso no ensino superior que utilizam o Enem, o Sisu é a que apresenta as maiores notas de corte.

Em edições recentes, a menor nota de corte para a graduação de Fisioterapia ficou em 650 pontos, enquanto a maior superou os 800 pontos! Vale lembrar que a nota de corte é a nota do Enem do último da fila a conseguir vaga naquela universidade, campus e turno, então imagine quantos pontos o primeiro colocado fez!

Por esse motivo, não cansamos de reforçar: se você quer entrar em uma universidade pública com o Sisu, deve estudar muito.

Pontuação no Enem pra passar em Fisioterapia pelo ProUni

No ProUni, a nota de corte vai depender da faculdade, campus, turno e modalidade de concorrência (cotas ou livre concorrência). Em edições recentes, a pontuação mínima necessária para conseguir uma vaga em Fisioterapia foi 450. A mais alta ficou em 708.

Perceba que as notas podem variar até para a mesma faculdade, em unidades diferentes. Em edição recente do ProUni, o Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) da cidade de Anápolis (GO) exigiu uma pontuação mínima de 508. Já na Anhanguera de Taboão da Serra (SP), a nota de corte foi 550.

As notas de corte também variam a cada edição do ProUni.

Pontuação no Enem pra financiar o curso de Fisioterapia pelo FIES

O FIES é uma excelente alternativa para quem não foi selecionado pelos dois programas anteriores. No entanto, não pense que o financiamento estudantil é tão simples assim de conseguir. Nos últimos anos, o governo federal restringiu a oferta de vagas e começou a fazer mais exigências, incluindo um bom desempenho no Enem e a adequação ao limite de renda familiar.

Algumas faculdades conceituadas que oferecem o curso de Fisioterapia chegaram a pedir até 643 pontos no Enem. A nota mínima já ficou em 451 pontos. Como é o caso do ProUni, esse número pode variar de acordo com diversos fatores.

Pontuação no Enem pra entrar direto no curso de Fisioterapia sem fazer vestibular

Como cada faculdade particular é livre para definir seus critérios de seleção, a nota do Enem exigida para entrar no curso de Fisioterapia pode variar.

Algumas instituições de ensino pedem uma nota mínima geral para entrar, outras podem dar um peso maior à prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, enquanto há aquelas que exigem apenas nota acima de zero na redação, por exemplo.

De qualquer forma, optar pelo ingresso direto é um ótimo negócio. Muitas vezes a inscrição é gratuita e você evita as provas do vestibular!

Onde estudar Fisioterapia com a nota do Enem

Veja a seguir uma lista que compilamos com algumas faculdades de Fisioterapia reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC) que aceitam a nota do Enem. Além de garantir a validade do diploma em todo o território nacional e assegurar a qualidade de ensino, o aval do MEC permite que as faculdades abaixo possam participar do ProUni e do FIES.

E não é só isso! Além dos programas governamentais de auxílio financeiro a estudantes de baixa renda, todas as instituições a seguir trabalham com o ingresso direto e oferecem bolsas, descontos e programas de financiamento privado próprios. Confira:

Veja também:

Melhores faculdades de Fisioterapia

E então? Já decidiu a qual processo seletivo vai se candidatar em busca de uma vaga no curso de Fisioterapia? Conte para a gente nos comentários!

Comente