A oferta de vagas nas universidades e nos institutos federais que serão oferecidas pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) em janeiro de 2012 superará a marca das 100 mil.

A informação foi prestada pelo ministro da Educação, Fernando Haddad em audiência pública na Comissão de Fiscalização e Controle da Câmara dos Deputados.

Fernando Haddad explicou que os custos da prova deste ano não superaram os R$ 48 por candidato. “A média dos vestibulares é de R$ 91. E nós entregamos uma prova em até 3,5 mil quilômetros de distância”.

Haddad explicou ainda que toda a segurança do exame está relacionada aos procedimentos de logística e que o Ministério da Educação está convencido de sua eficiência.

“O que me preocupa é a aplicação, onde entra o elemento humano”. Ele fez ainda uma comparação com o SAT, exame nacional americano, que registra de mil a duas mil provas com suspeitas de fraude por ano. “E esse exame tem 85 anos”.