Tem lista de espera no Sisutec?

Enem — Escrito por

Quando o candidato se inscreve no Sisutec (Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica), ele aguarda até o final do período de inscrição para saber se estará apto, segundo sua nota do Enem, a uma das vagas ofertadas pelas instituições participantes do programa. O processo seletivo acontece de maneira quase simultânea à extensão da etapa de inscrição de candidatos, porque o sistema informatizado do Sisutec está integrado ao Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), de maneira que seleciona automaticamente aqueles estudantes mais bem classificados em cada curso, utilizando uma nota de corte. Por isso que o candidato deve escolher até duas opções de curso, por ordem de preferência. Mas… há opção de lista de espera para quem não for aprovado em ambas as opções?

A vantagem de se escolher duas opções de curso

Primeiramente, é preciso entender a vantagem de se escolher 2 opções de curso. Quando o candidato realiza a sua inscrição no Sisutec, ele escolhe duas opções de curso para as vagas de ampla concorrência. Assim, ele adquire a oportunidade de ser selecionado para o curso que mais tem vontade de estudar, mas também fica com uma alternativa reserva. Caso suas notas no Enem não sejam suficientes para conseguir cursar sua primeira escolha, ele ainda poderá ser selecionado para sua segunda opção favorita.

Como acontece o processo seletivo

O programa, a cada semestre, tem um cronograma oficial a adotar. De acordo com esta tabela de datas e atividades, estão programadas duas chamadas sucessivas de estudantes selecionados para um curso específico. Mas somente isso não garante a ocupação da vaga oferecida. A cada chamada, aqueles alunos devem cumprir o prazo predeterminado para efetuar a matrícula na instituição participante e, finalmente, assegurar sua frequência no curso escolhido.

Esse é um período de muita atenção, porque se o candidato escolhido na primeira chamada por algum motivo não efetuar sua matrícula na instituição de ensino, ele deixará passar a oportunidade, não podendo participar da chamada subsequente. Como muitos alunos não cumprem os prazos ou desistem das vagas alcançadas, a segunda chamada é bem recheada de novos alunos, que igualmente terão um prazo característico para cumprir suas matrículas.

O que acontece com as vagas remanescentes

Mas e no caso de não ser selecionado nem na primeira chamada, nem na segunda chamada, o que acontece? Segundo as informações do portal do Sisutec, na edição do primeiro semestre de 2014 não haverá Lista de Espera. Isso significa que, caso existam vagas que não forem ocupadas após o término da segunda chamada, outro método de preenchimento deverá ser abonado.

Então, seguindo o mesmo cronograma já comentado, é possível verificar que essas vagas remanescentes serão preenchidas a partir do simples procedimento de inscrições on-line, as quais deverão ser exclusivamente realizadas no portal do Sisutec, ou seja, no mesmo local onde se fez a inscrição. Nessa fase, será exigida apenas a conclusão do ensino médio, não sendo obrigatória a disputa a partir da nota obtida no Enem. Conforme o cronograma oficial do MEC, essas inscrições on-line, em 2014, terão início em 7 de abril e terminarão aos 13 do mesmo mês.

O Sisutec foi idealizado pelo governo federal com o objetivo de recuperar a mão de obra técnica do Brasil, oferecendo conhecimento, tecnologia e boa preparação para os alunos que desejam chegar de maneira rápida ao mercado de trabalho. Você quer fazer parte desse futuro promissor? Então não perca a oportunidade e fique atento ao cronograma do Sisutec!

Tags: , , ,

Comente