UnB divulga lista de aprovados no vestibular de inverno 2011

Notícias — Escrito por

A Universidade de Brasília (UnB) divulgou a lista de aprovados no processo seletivo de inverno de 2011.

Confira aqui a lista de aprovados UnB.

Os olhos marejados não escondem a emoção de passar para o curso de Filosofia na Universidade de Brasília. O pai é piscineiro. A mãe, diarista. Está nas mãos de Leonardo Rodrigues traçar um futuro diferente para a família e dar o exemplo para a irmã mais nova, de 11 anos. O calouro de 19 anos pretende ser o primeiro da casa a completar um curso superior. Ele foi um dos 3.880 aprovados no 2º vestibular de 2011.

Morador de Samambaia, Leonardo terminou o ensino médio em 2009, mas precisou trabalhar nos últimos três semestres para ajudar a família antes de correr atrás do sonho de entrar na UnB. “Estou muito feliz. Minha família não tem renda alta e eu sempre tive isso de estudar, estudar, estudar para conquistar algo na vida”, diz. Leonardo prestou o vestibular como cotista. “Tenho o maior orgulho de participar das cotas. É uma luta dos negros. Fomos muito oprimidos pela escravidão e as cotas são uma forma de tirar o preconceito e colocar mais pessoas negras dentro da universidade e quebrar esse tabu”.

Desde 2004, a UnB implantou o sistema de cotas para negros. A partir do Programa de Apoio ao Plano de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni), lançado em 2008, e da inauguração dos novos campi – Planaltina em 2006 e Ceilândia e Gama em 2008 –, a UnB aumentou as vagas do vestibular de 2.004 (2º vestibular de 2006) para 4.016 (2º vestibular de 2011). Ou seja, mais que o dobro. “Essa é a consolidação de um esforço de toda a universidade em termos de expansão para disponibilizar à sociedade vagas de ensino de graduação numa das melhores instituições públicas de ensino superior do Brasil”, destaca a decana de Ensino de Graduação em exercício, Denise Imbroisi. “A UnB está dando esse retorno pra sociedade”.

A partir de 2008, 30 novos cursos foram criados na UnB. O acesso ao ensino superior chega a cada vez mais gente. Foi a partir da oferta do curso de Museologia, criado em 2009, que a caloura Agnes Sâmara Oliveira escolheu a UnB. Moradora de Taguatinga, ela pretende se candidatar ao programa de assistência estudantil para conseguir se manter na universidade até se formar. “Com mais cursos, mais gente tem oportunidade de estudar aqui. As pessoas não precisam sair do DF para estudar em uma universidade pública”, diz.

O futuro Químico Caio Lopes Althoff, de 18 anos, acredita que o sonho de estudar na UnB está ao alcance de todos. “Acho que tem espaço para todas as classes na UnB. As cotas e a ampliação de cursos ajudam a democratizar o acesso à Universidade de Brasília”, diz. O calouro acredita que o esforço individual é o primeiro passo para chegar à tão sonhada vaga na instituição. “Tem gente de colégio bom que não passa. Tem gente de colégio público que passa. Qualquer pessoa pode chegar lá, só tem que se dedicar”.

“Com maior variedade de cursos e maior oferta de vagas, a UnB cumpre melhor o papel no sentido de ocupar mais espaços, dando oportunidade para mais jovens acessarem um ensino de qualidade”, afirma o decano de Assuntos Comunitários, Eduardo Raupp. “A UnB não é só graduação, é também pesquisa e extensão. Mas a graduação é a principal porta de entrada e o principal meio de relação com a sociedade” . Raupp explica que a expansão é uma resposta aos investimentos da sociedade. “Mostra a pujança da UnB, a importância da universidade para Brasília e para o Brasil”.

AGENDA – O registro de matrícula dos novos alunos aprovados no vestibular será realizado nos dias 22 e 25 de julho, nos Postos Avançados da Secretaria de Administração Acadêmica da UnB. O atendimento para os cursos diurnos será das 8h30 às 11h e das 14h às 17h o dos cursos noturnos, das 14h às 20h.

Os aprovados devem apresentar cópias autenticadas dos seguintes documentos: histórico escolar, certificado de conclusão do Ensino Médio, CPF, identidade, título de eleitor, comprovante de votação das últimas eleições e certificado de reservista ou de alistamento militar, para os homens. Os candidatos selecionados nos cursos que exigem Certificação de Habilidade Específica deverão apresentar, ainda, o Certificado da Habilitação Específica ao curso para o qual foi selecionado, dentro do período de validade, emitido pelo Cespe/UnB.

Veja aqui a agenda do estudante.

Tags: ,

Comente